Destaque no fisiculturismo

2comentários

fisioculturismo

O atleta Orlando Gomes Martins, 37, morador da Vila Roseana Sarney, no município de São José de Ribamar, sagrou-se vice-campeão mundial de Fisiculturismo, categoria até 1,70 de altura com 75 quilos. A competição reuniu mais de 150 atletas de tudo o mundo e aconteceu no período de 12 a 20 deste mês na cidade de Budapeste, na Hungria.

“Sem dúvida nenhuma é um sonho que parecia distante, mas que graças a Deus tornou-se realidade. Estou muito feliz por ter representado bem o Brasil, o Maranhão e São José de Ribamar”, afirmou Orlando Gomes que, nesta segunda-feira (25), visitou o prefeito Gil Cutrim (PMDB), oportunidade na qual agradeceu o apoio dado a ele para participar do mundial.

“Acompanho o trabalho do prefeito e vejo que ele está incentivando o desporto no município. Solicitei formalmente o apoio e, de imediato, recebi o sinal positivo. Sem dúvida nenhuma o apoio que recebi da administração do prefeito Gil foi fundamental”, completou o atleta.

Gil Cutrim parabenizou Orlando Gomes pela conquista e ressaltou a importância que o título tem para o Maranhão e para o município de São José de Ribamar. Ele adiantou que já autorizou a elaboração de um projeto que prevê a realização de um campeonato municipal de fisiculturismo em Ribamar.

“É uma modalidade que cresce muito e aqui, no município, temos vários outros atletas de grande nível. A realização de uma competição municipal visa, além de incentivar a modalidade, estimular a prática do esporte, que é saúde”, avaliou Cutrim.

Orlando Gomes Martins, que detém outros títulos, dentre eles o Maranhense e o Brasileiro,  participou do mundial integrando a equipe brasileira de Fisiculturismo.

2 comentários »

Gestão do trânsito

1comentário

detran

Por um trânsito mais seguro, o governo do Estado e 11 municípios firmaram convênios para a operacionalização dos serviços do sistema de trânsito, incluindo sinalização, fiscalização, aplicação de penalidades e educação de trânsito. O ato ocorreu em solenidade presidida pela governadora Roseana Sarney, na manhã desta segunda-feira (25), no Palácio dos Leões.

Além da governadora, assinaram o documento o diretor geral do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MA), André Campos; o comandante-geral da Polícia Militar do Maranhão, Zanoni Porto; e os prefeitos dos municípios de Arari, Axixá, Icatu, Balsas, Timon, Caxias, São Luiz Gonzaga, Viana, Santa Helena, João Lisboa e  Estreito.

“Este convênio mais que um repasse administrativo de competências significa um avanço no ordenamento do trânsito nessas cidades, tendo como prioridade a vida”, afirmou a governadora Roseana Sarney. “A partir de agora os cerca de 205 mil veículos que circulam nesses 11 municípios terão uma organização e fiscalização mais eficiente, conforme previsto pelo Código de Trânsito Brasileiro”, completou a governadora.

Presentes os secretários João Abreu (Casa Civil), Aluisio Mendes (Segurança Pública), Luis Fernando Silva (Infraestrutura), Laércio Costa (adjunto da Segurança), o deputado estadual Eduardo Braide, prefeitos dos municípios contemplados e assessores.

O diretor do Detran, André Campos, destacou que a parceria vai aumentar a fiscalização do trânsito nos municípios, que poderão planejar e organizar o trânsito em suas cidades. Campos disse que os técnicos do Detran estarão à disposição dos municípios para assessorar, orientar e apoiar na operacionalização e planejamento dos serviços do sistema de trânsito nessas cidades.

Com a assinatura do convênio, os municípios passam a integrar o Sistema Nacional de Trânsito e assumem a responsabilidade pelo planejamento, projeto, operação e fiscalização, não apenas no perímetro urbano, mas também nas estradas municipais. “Já são 25 municípios integrados ao sistema no Maranhão. Todo o país passa por dificuldade nesta municipalização do trânsito e o Maranhão tem avançado muito com o único objetivo de tornar o trânsito mais seguro e eficaz”, assinalou André Campos.

O Código de Trânsito Brasileiro prevê uma divisão de responsabilidades e uma sólida parceria entre órgãos federais, estaduais e municipais. Por isso, compete agora aos órgãos executivos municipais de trânsito exercer 21 atribuições entre sinalização, fiscalização, aplicação de penalidades e educação de trânsito.

Foto: Handson Chagas

1 comentário »

Novas ambulâncias

2comentários

ambulancia

Os hospitais estaduais de Monção, Morros, Barreirinhas, Coroatá, Alto Alegre do Maranhão e Peritoró, e a UPA de Codó estão recebendo parte das 50 ambulâncias novas adquiridas pela  Secretaria de Estado da Saúde. Os novos veículos vão dar mais agilidade no transporte de pacientes entre as unidades de saúde da rede estadual.

Os veículos são equipados com todos os itens necessários para um atendimento seguro, como prancha de imobilização, cilindros de oxigênio e cones sinalizadores.

De acordo com o secretário de Estado da Saúde, Ricardo Murad, todas as 50 ambulâncias estarão em operação nas unidades estaduais, tanto na capital quanto no interior do Maranhão, para assegurar que os pacientes tenham acesso rápido e de qualidade ao tratamento que necessitarem. “Se for necessário um atendimento de alta complexidade, por exemplo, traremos esses pacientes para os nossos hospitais em São Luís, sob a nossa responsabilidade” afirmou.

Para o diretor do Hospital Geral de Peritoró, Abraham Leopoldino, as ambulâncias irão facilitar a locomoção de pacientes na região. “Sem dúvida é um grande avanço,tanto para remover pacientes para a unidade como tambémpara o deslocamento intermunicipal”, afirmou.

Essa é mais uma ação do Programa Saúde é Vida que já entregou 10 UPAs, seis hospitais de 50 leitos, 23 unidades com 20 leitos e um hospital macrorregional em Coroatá.

2 comentários »

Paralimpíadas Escolares

1comentário

delegacao
Com o apoio da Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel), a delegação maranhense que irá participar das Paralimpíadas Escolares 2013, embarcou na madrugada desta segunda-feira (25) para a cidade de São Paulo. Na capital paulista, os atletas locais participarão das disputas de quatro modalidades a partir desta terça-feira (26): atletismo, futebol de 5, natação e tênis de mesa.

A expectativa neste ano é que o Maranhão consiga conquistar bons resultados em São Paulo. Vale destacar que, nos anos anteriores, os atletas maranhenses sempre tiveram conquistas na competição nacional, principalmente nas provas de atletismo e no futebol de 5.

“Esperamos repetir nossos desempenhos em anos anteriores. Acreditamos nos nossos atletas, que sempre se esforçam para fazer o melhor, pois são todos vencedores”, disse José Henrique Azevedo, chefe da delegação dos Maranhão nas Paralimpíadas Escolares.

Considerada a maior competição paralímpica escolar do mundo, as Paralimpíadas Escolares devem reunir durante os quatro dias de disputa cerca de 1.300 atletas, de 12 a 20 anos, de todos os estados do país, mais o Distrito Federal.

Neste ano, pela primeira vez, haverá a participação de atletas estrangeiros no evento. Vinte e dois esportistas do Reino Unido vão competir nas modalidades bocha, futebol de 7, goalball e natação.

As Paralimpíadas Escolares ainda terão a visita do garoto inglês Rio Woolf, 5 anos. Ele teve a perna direita amputada e ficou famoso em julho deste ano, durante o Mundial de Atletismo, em Lyon, ao aparecer em fotos nas redes sociais declarando toda sua admiração pelo brasileiro Alan Fonteles.

A competição encerra o calendário anual de eventos nacionais do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB). As Paralimpíadas Escolares são realizadas em parceria com o governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência, e com a prefeitura da capital paulista.

1 comentário »

Lixo no aeroporto

0comentário

urubuO Ministério Público Federal no Maranhão (MPF-MA) conseguiu, junto à Justiça Federal, liminar que obriga o município de São Luís, o estado do Maranhão e a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) a adotarem medidas para remoção de lixo, recuperação e manutenção das áreas vizinhas ao Aeroporto Marechal Cunha Machado, em São Luís. O MPF-MA constatou que a existência de depósitos irregulares de lixo, granjas e matadouros, no entorno do aeroporto, multiplica os pontos atrativos de pássaros, comprometendo a segurança das operações aéreas.

A liminar expedida pela 8ª vara da Justiça Federal do Maranhão é fruto de ação civil pública movida pelo MPF, em março de 2013. O objetivo da ação é reduzir o risco de acidentes aéreos ocasionados por colisão entre aves e aviões que circulam nos arredores do aeroporto de São Luís.

O MPF apurou que o depósito de resíduos sólidos pelos moradores das comunidades vizinhas, a insuficiência da atuação municipal e a presença do Mercado do Peixe e de um frigorífico (Frigorífico J.B), localizado dentro da Área de Segurança Aeroportuária (ASA), se apresentam como grandes atrativos de urubus, colocando em risco as operações de pouso e decolagem das aeronaves.

Na decisão, o juiz federal Ricardo Felipe Rodrigues Macieira cita a Lei 12.725/2012, que estabelece restrições às atividades capazes de embaraçar operações de aeronaves, no perímetro da ASA.

A liminar foi expedida em junho deste ano e acolhe os pedidos do MPF, determinando: que o município de São Luís remova os resíduos sólidos dos arredores do aeroporto, impeça a continuidade do uso desses espaços como depósitos de lixo (apresentando plano de gerenciamento de resíduos) e discipline a ocupação dessas áreas; que o estado do Maranhão fiscalize os empreendimentos situados ao redor da ASA, evitando o lançamento de resíduos e efluentes em desconformidade com parâmetros ambientais; que a Infraero elimine os depósitos irregulares de lixo dentro da área de sua propriedade e recupere os danos identificados no muro do aeroporto.

sem comentário »

Excelente notícia

24comentários

luisfernandoUma excelente notícia aos torcedores maranhenses. O governo do Estado não medirá esforços para concluir as melhorias necessárias no Estádio Castelão até o mês de abril, quando começa o Campeonato Brasileiro Série B e que terá a participação do Sampaio. A garantia foi dada pelo secretário de Infraestrutura, Luís Fernando Silva.

“A abertura dos envelopes com as propostas está confirmada para dezembro. A Sinfra vai contemplar tudo que foi acordado num um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado com o Ministério Público no ano passado. Estão previstos serviços de funcionamento das catracas eletrônicas, videomonitoramento, estacionamento, além de vários ítens de segurança. Tudo será feito para que o Castelão esteja totalmente concluído para a estreia do Sampaio no Campeonato Brasileiro”, afirmou.

Para a conclusão da obra do Castelão, o governo do Estado deverá gastar aproximadamente R$ 6,5 milhões, dentro de um cronograma de 4 meses a partir da data de assinatura do contrato que deve ocorrer até janeiro. Além dos serviços acima mencionados, o engenheiro Aparício Bandeira, secretário ajunto de Infraestrutura garante que serão realizados serviços na iluminação do Castelão, inclusive nas arquibancada onde é bastante escuro. Além disso, a Sinfra fará modificações no setor de imprensa onde as cabines ficaram bem reduzidas após a reforma e instalação de barreiras de proteção na área do fosso. “O Castelão terá um excelente setor para a imprensa trabalhar, além do setor de emergência médica que será instalado e todos os ítens que ainda não haviam sido realizados”, adiantou.

joaquimhaickelO secretário de Esporte e Lazer, Joaquim Haickel disse que o projeto da Sinfra vai deixar o Castelão totalmente concluído. “O funcionamento das catracas eletrônicas será fundamental para o combate à evasão de renda. Também teremos com esta reforma todos os acessos e o estacionamento do Castelão recuperado e com isto o torcedor maranhense terá muito mais conforto. A Sedel vem acompanhando todo o processo junto à Sinfra e nós acreditamos que o secretário Luís Fernando Silva não medirá esforços para que o Castelão seja totalmente concluído e fique dentro do padrão dos maiores estádios do país”, afirmou.

Pelo cronograma da Sinfra, a abertura dos envelopes com as propostas na Comissão Central de Licitação está marcada para 6 de dezembro. Se tudo ocorrer como esperado, a Sinfra espera iniciar a obra em janeiro do ano que vem e o estádio deverá ficar pronto em abril. De acordo com o calendário da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), a estreia do Sampaio deve ocorrer no dia 27 de abril.

24 comentários »

Nova cobrança

2comentários

wevertoneflavioO deputado federal e presidente estadual do PDT, Weverton Rocha, voltou a cobrar do presidente da Embratur e pré-candidato ao governo do Estado, Flávio Dino (PCdoB), o cumprimento de acordo entre os partidos, que garante ao PDT a indicação de nome para a formação da chapa majoritária em 2014.

No início do ano, o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PTC), o próprio Weverton Rocha e membros do PSB confirmaram que Flávio Dino havia se comprometido em ceder espaços para o PDT em troca da aliança política que elegeu Holanda Júnior em 2012.

Flávio, no entanto, jamais confirmou o acordo publicamente, justamente pelo fato de ainda negociar espaços na chapa majoritária com o PSDB do ex-prefeito João Castelo e até com o PT. Os tucanos querem a vaga de vice para o deputado federal Carlos Brandão, que articula pessoalmente a aliança.

Com a garantia de aliança com o PT, por exemplo, Dino dispensaria o PDT e o PSB, partidos que o acompanham desde o ano passado e que organizam a principal ação da pré-campanha comunista, o movimento “Diálogos pelo Maranhão”.

“Hoje não é o PDT que vai fazer essa condição, o Flávio é quem vai nos chamar e dizer que precisa do PDT para ser governador, para construir essa grande aliança. Não somos nós que estamos batendo na porta do Flávio, pelo contrário”, afirmou o pedetista a um blog da capital.

O Estado chegou a tentar contato tanto com Flávio quanto com o presidente do PCdoB, Márcio Jerry, e perguntou, por meio de mensagem eletrônica, se havia de fato um acordo com o PDT. Até o fechamento desta edição, no entanto, as respostas não haviam sido dadas.

O Estado

2 comentários »

Protesto no Jaracati

2comentários

bandeiratribuzi

A segunda-feira começou com protesto e trânsito complicado em São Luís. Moradores do Jaracati, interditaram a ponte Bandeira Trubuzi nos dois sentidos e o trânsito parou na avenida Carlos Cunha.

Os moradores protestam contra a Prefeitura de São Luís que prometeu asfaltar uma rua no bairro, ainda no mês de junho, mas até hoje nada foi feito. A obra vem desde a administração do ex-prefeito João Castelo e continua sem solução na administração de Edivaldo Holanda Júnior, reclama moradores que pedem a presença do prefeito no local.

Esta é a segunda vez no ano que os moradores do Jaracati interditam a ponte Bandeira Tribuzi para protestar contra a falta dos serviços da Prefeitura de São Luís.

Por telefone, o secretário de Obras, Antônio Araújo disse que estava a caminho do Jaracati para conversar com os moradores.

Foto: Jorge Aragão

2 comentários »