Sefaz rebate FMF

4comentários

vivanota

O coordenador do programa Viva Nota, Luiz Neves de Oliveira Filho negou qualquer responsabilidade da Sefaz no cancelamento da partida entre Moto e Araioses pela Copa São Luís.

A informação foi dada pelo diretor de competições da FMF, Antônio Henrique de Moraes Rego. “Tentamos muito contornar o problema e, assim, garantir a realização da partida, mas em razão da falta de solicitação da Secretaria de Fazenda do Estado da quantidade de ingressos que deveriam ser disponibilizados para troca no Programa Viva Nota, bem como a impossibilidade da Polícia Militar em garantir a segurança da partida, conforme determina o Estatuto do Torcedor, preferimos cancelar o jogo”, afirmou.

Em nota, a Sefaz afirma: ‘A não realização deste jogo pode ter todos os motivos do mundo, menos o fato de que o evento não foi realizado em virtude do programa viva nota não ter disponibilizado os ingressos para o jogo. Os ingressos do jogo do Moto Clube X Araioses não foram disponibilizados em virtude da grande confusão criada pela alteração da tabela da copa cidade de São Luís. Inicialmente, este jogo estava marcado para Araioses e depois houve alteração, mas mesmo assim, nunca houve uma certeza da data de realização do jogo. Ora se falava em jogo preliminar do MAC, ora seria um jogo no sábado…sem contar que a PM não garantia a realização do evento. Infelizmente, não sabíamos em quem confiar e por este motivo resolvi não disponibilizar ingresso nenhum, ante um cenário de incertezas”.

Ainda segundo a coordenação do Viva Nota, a disponibilização prévia da tabela de cada campeonato é uma exigência do contrato celebrado entre a Sefaz e a AMACLUBE/FMF. A tabela que temos hoje nas mãos está completamente desfigurada…mas não por culpa do Viva Nota.

4 comentários »

Ritmo acelerado

0comentário

italuis

As obras de substituição dos 19 km da adutora do Sistema Produtor Italuís, localizada no Campo de Perizes, se encontram em ritmo bastante acelerado e estão com 50% dos serviços concluídos. Foi o que afirmou o presidente da Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema), engenheiro João Reis Moreira Lima.

O primeiro serviço iniciado após a assinatura da Ordem de Serviço pela governadora Roseana Sarney, em novembro de 2012, foi o aterramento do terreno, que era alagado, entre o Km 25 e o Km 44, localizado às margens da BR-135, para a construção da estrada de serviço, já concluída, que serve para a locomoção das máquinas e da equipe de trabalho durante a execução da obra. Outra etapa já concluída foi a instalação das estacas onde são colocados os berços que servem de apoio à nova tubulação.

A nova adutora é formada por 1.500 tubos de aço patinável, cada um com 12 metros de comprimento e 1,40 metros de diâmetro, que ficarão suspensos visando facilitar a manutenção dos mesmos. Os tubos foram confeccionados em aço corten, mais resistente ao processo de corrosão, o que garante uma vida útil de pelo menos 30 anos.

De acordo com o presidente, será construída também uma ponte de treliça, sobre a qual a adutora atravessará o Estreito dos Mosquitos. “Já iniciamos também, o serviço de reforço do solo nas imediações das redes de alta tensão de energia para evitar a indução magnética no local que é bastante arenoso”, disse, destacando que a previsão é de que essas obras sejam concluídas até março de 2014.

italuis1
A obra de substituição da adutora do Italuís foi orçada em R$ 106.889.593,60, sendo R$ 96.920.077,15 recursos do Governo Federal por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e R$ 9.967.516,45, a contrapartida do Governo do Estado do Maranhão. O projeto executivo foi elaborado pela Esse Engenharia e Consultoria ltda. A empresa responsável pela execução das obras é o Consorcio EIT/Edeconsil/PB.

Com a entrada da nova adutora em funcionamento espera-se um incremento de vazão da ordem de 300 litros por segundo. “A vazão atualmente é de 1,8 metros cúbicos por segundo. Com a nova adutora em operação e ainda outras intervenções que serão realizadas, passará para 2,1 metros cúbicos de água por segundo. Com a nova tubulação iremos melhorar o abastecimento de água e também teremos maior segurança e confiabilidade na operação”, concluiu.

O Sistema Produtor Italuís é responsável pelo abastecimento de 60% dos bairros da capital maranhense e vem sofrendo nos últimos anos com os constantes rompimentos ocasionados pelo alto teor de corrosão grafítica na tubulação da adutora. A expectativa é que após a conclusão da obra terminem as interrupções no abastecimento de água em toda São Luís, fato que tem causado transtornos à população.

Além da substituição da adutora, a Companhia já iniciou o processo de instalação de 130 mil hidrômetros nos imóveis da capital, com a finalidade de reduzir os vazamentos e as perdas de água. Com a instalação dos novos medidores, os técnicos da Caema terão condições de fazer um melhor controle da distribuição de água dos sistemas e também do desperdício, melhorando a qualidade dos serviços prestados à população.

sem comentário »

Mais qualidade de vida

0comentário

melhoridade1

Proporcionar bem-estar e inclusão da prática de atividades físicas no cotidiano, promovendo saúde e qualidade de vida. Foi com este propósito que a moradora do bairro da Vila Palmeira, Maria Augusta, de 56 anos, participou das atividades desenvolvidas no projeto Melhor Vida na Melhor Idade, promovido pela Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel) durante todo este ano. Assim como ela, mais de 260 pessoas também aderiram ao projeto.

“O projeto contribuiu para nossa qualidade de vida. Hoje, tenho mais disposição para algumas atividades e sem contar que minha saúde melhorou bastante após minha participação no Melhor Vida na Melhor Idade”, pontuou Maria Augusta.

Para a senhora Francisca Ferreira, de 73 anos, as atividades melhoraram na sua desenvoltura e, principalmente, no seu problema de saúde que é a osteoporose. “Hoje, me sinto muito bem fazendo as atividades do projeto. Participo desde o início e vejo diferença na minha vida e na minha saúde. Tenho osteoporose e sentia muita dor, mas após as atividades me sinto com mais disposição e sem dor alguma”, afirmou.

melhoridade
O projeto Melhor Vida na Melhor Idade, que é desenvolvido pela Sedel desde o mês de fevereiro, realizou, na tarde dessa quinta-feira (14), a solenidade de encerramento desta primeira temporada. O encontro ocorreu na área vip do Estádio Castelão e contou com a participação do secretário de Estado do Esporte e Lazer, Joaquim Haickel e demais idealizadores da ação.

O secretário de Estado de Desporto e Lazer Joaquim Haickel aproveitou a solenidade e agradeceu a participação e motivação de todos no projeto. Haickel enfatizou a continuidade nas atividades desenvolvidas no projeto, além de dar uma boa notícia às participantes e moradoras das áreas adjacentes do complexo.

“Fico feliz que o projeto Melhor Vida na Melhor Idade venha cada vez mais contribuindo na saúde e bem-estar de vocês e que cada vez mais aumenta o número de adeptos as atividades físicas. E, para melhoria nas atividades desenvolvidas, a Sedel irá proporcionar, no próximo ano para todos vocês e comunidade em geral, uma academia ao ar livre nas áreas do Complexo Esportivo que beneficiará na continuação do projeto Melhor Vida na Melhor Idade e nas atividades que vocês desempenharão durante a semana”, declarou.

Durante a solenidade, foi entregue os certificados aos coordenadores e estagiários participantes do projeto e, em seguida, os alunos participaram de uma aula com o professor-mestre de tai chi chuan, Franciney Diniz, que desenvolveu movimentos de equilíbrio, concentração e relaxamento.

O projeto Melhor Vida na Melhor Idade, retoma suas atividades no início de fevereiro do próximo ano, e com a certeza de encontrar mais adeptos a prática de atividades físicas.

Fotos: Izabela Pinheiro

sem comentário »

Moda retrô

4comentários

sampaioretroSampaio e Moto lançaram os modelos de camisa retrô com a marca Super Bolla. Por enquanto os modelos serão apenas para o torcedor. Os times não deverão utilizar em jogos oficiais.

É uma oportunidade para muitos torcedores mergulharem no tempo e história dos nossos principais clubes.

No lançamento do Sampaio, os modelos foram três dos principais jogadores da atualidade: Arlindo Maracanã, Rodrigo Ramos e Eloir.

A camisa amarela, vestida pelo Eloir tive a oportunidade ainda de ver o Sampaio em campo. Muito bonita.

motoretroNo Moto, o lançamento das camisas retrô ocorreu esta semana.

A camisa rubro-negra em listas verticais foi a que mais chamou a atenção de todos. Muita gente nem sabia que o Moto já vestiu este uniforme.

Muito legal o trio de modelos que reuniu três gerações: Felipe que é uma das promessas do clube, o volante Marcinho e o craque de bola e goleador Hamilton. E que bom vê a cara de alegria dessa lenda viva chamada Hamilton.

Agora é torcer para as torcidas de Sampaio e Moto comprarem a ideia porque as camisas estão bem interessantes.

4 comentários »

Jogo cancelado

11comentários

A Federação Maranhense de Futebol (FMF) confirmou por volta de 12h30, o cancelamento da partida entre Moto e Araioses pela Copa São Luís que aconteceria hoje, às 17h, no Nhozinho Santos.

O motivo do cancelamento foi a falta de policiamento. A FMF não confirmou a nova data para realização da partida.

Segundo a FMF, a partida ente Maranhão e Cordino marcada para este domingo, às 17h, no Nhozinho Santos está confirmada.

11 comentários »

Criação de municípios

4comentários

andrefufuca

O presidente da Comissão de Assuntos Municipais e de Desenvolvimento Regional da Assembleia Legislativa, deputado André Fufuca (PEN), afirmou que irá a Brasília com os membros do colegiado tentar mediação com a bancada maranhense para a derrubada do veto presidencial.

Ele afirmou que o legislativo luta há 17 anos para emancipar municípios no estado e que era grande a expectativa em relação ao projeto aprovado no Congresso e que devolvia às Assembleias a prerrogativa de discutir e criar municípios.

“Vamos a Brasília, eu e os demais deputados da comissão, buscar contato com a bancada federal para que seja dado celeridade a esta matéria. Nossa luta agora é pela derrubada do veto, e consequentemente pela defesa dos interesses da população”, afirmou.

Para ele, Dilma errou ao ter barrado a criação dos municípios. “O projeto aprovado pelo Congresso não foi criado à revelia. Os termos haviam sido discutidos com a Casa Civil, portanto, eram bastante consistentes. Mais uma prova de que os interesses dela [Dilma] estão aquém da coletividade. Da mesma forma, já havia acontecido na questão dos royalties do petróleo, quando 25 estados votaram a favor, mesmo assim ela acabou com um veto, beneficiando apenas dois estados”, frisou.

O Estado

4 comentários »

Moto terá Kleber

7comentários

kleberpereiraCom Kleber Pereira, o Moto Club estreia hoje, às 17h, no Nhozinho Santos no segundo turno da Copa São Luís – competição que vale vaga na Copa do Brasil em 2014.

Além de Kleber, a partida marcará o retorno do técnico Dirceu de Matos ao comando do Moto.

O time terá outras novidades como o goleiro Pablo, os zagueiros Carlinhos Rocha e Bebeto, além de Marcinho e Batata.

O time do Moto deverá ter: Pablo; Ricardinho, Carlinhos Rocha, Bebeto e Hugo; Marcinho, Batata, Felipe e Wanderley; Henrique (Wescley) e Kleber Pereira.

Incerteza

Mesmo estando marcada, a partida entre Moto e Araioses poderá até nem acontecer. É que a Polícia Militar informou à FMF que não teria efetivo para quatro dias de jogos consecutivos. A opção seria a utilização da Guarda Municipal que está em greve a vários dias. Resta saber se não tiver policiamento se o árbitro vai ou não dar o jogo.

A Federação Maranhense de Futebol (FMF) já deveria ter resolvido isto, mas pelo visto vai esperar para ver o que vai acontecer. Será que a PM ou a Guarda Municipal irão para o Nhozinho Santos?

A FMF admite colocar segurança privada para garantir a realização da partida.

7 comentários »

Problema na saúde

0comentário

edivaldoholandajuniorO prefeito Edivaldo Holanda Júnior recebeu na manhã desta sexta-feira (14) uma comissão de médicos representando os servidores da saúde municipal. Na ocasião foi apresentada uma pauta de reivindicações que foram prontamente atendidas pelo prefeito. Entre as solicitações estão a regularização dos pagamentos de salários até o próximo dia 20 e equiparação das datas de pagamentos dos médicos sob contratos temporários com os efetivos a partir de janeiro de 2014.

Ontem pela manhã, a Prefeitura de São Luís por meio da Secom chegou a afirmar que o pagamento já havia sido regularizado. “A Secretaria Municipal de Saúde (Semus) informa que o pagamento dos salários para os médicos dos hospitais municipais Djalma Marques (Socorrão I) e Clementino Moura (Socorrão II) foi regularizado esta semana”, diz a nota.

“Já iniciamos uma proposta de política salarial adequada dentro da nossa realidade, hoje não temos um padrão definido na Semus. Estamos em fase de contratação de uma empresa especializada para fornecer essa assessoria, e assim definir uma política que será implantada pela Secretaria, de forma que beneficie todos os profissionais da saúde”, destacou o secretário de Saúde (Semus), César Felix.

O secretário lembrou que desde o início dos trabalhos estão sendo direcionados esforços para garantir um atendimento de qualidade. Entre os itens está a reestruturação física das unidades de urgência e emergência da capital que tiveram reformas garantidas através do Programa Avança São Luís.

César Felix destacou o fato do Socorrão II ter sido contemplado pelo Ministério da Saúde com o Projeto SOS Emergência que visa melhoria da infraestrutura e da parte de atendimento assistencial. O projeto já está em fase de implantação na unidade hospitalar. “Para garantirmos essas melhorias ao hospital o ministro Antônio Padilha estará no próximo dia 20 em São Luís, para assinar o compromisso com a Secretaria de Saúde e Prefeitura de São Luís”, informou.

O Hospital Djalma Marques (Socorrão I) também passará por reformas e adequações, além de receber novos equipamentos. Uma nova área com cerca de 2 mil metros quadrados já foi identificada nas proximidades da unidade hospitalar para sua ampliação, o que aumentará a capacidade de atendimento. A projeção é que a estrutura que será implantada no anexo conte com 250 novos leitos, sendo 50 deles de tratamento intensivo.

sem comentário »