Imperatriz defende classificação contra o Santos (AP)

0comentário
Clayton Carioca conversa com Júnior (Foto/André)

Clayton Carioca conversa com Júnior (Foto/André)

MACAPÁ (AP) – A delegação do Imperatriz chegou a Macapá por volta de 17h dessa sexta-feira, segundo informou o presidente José Carneiro Buzuca. A delegação é comandada pelo coordenador Antônio Carlos Santos – o popular Japão que garante que o grupo está unido e consciente de que em campo o objetivo é vencer e manter acesa a confiança pela classificação a segunda fase do Brasileiro da Série D.

O técnico Vinicius Saldanha que vai ficar na arquibancada, durante o leve treino realizado hoje à tarde em Macapá, conversou com os jogadores e destacou a importância do jogo que, deve ser disputado com cautela, não retrancado ou medo. “Não podemos subestimar o time do Santos, pelo simples fato de termos vencido o jogo de ida por 5 x 1. Eles são favoritos, jogam nos domínios e com o apoio de sua torcida. Mas o nosso time é melhor e estamos aqui para ganhar e marcar os pontos para classificar o Imperatriz”, concluiu.

Também, na entrevista concedida ao repórter Marcelo Júnior no hotel da concentração, o goleiro Ranieire disse que em relação às causas extra campo todos os jogadores deram um crédito ao presidente que inclusive está acompanhando a equipe, “só que no campo de jogo a responsabilidade é nossa e queremos vencer. É muito importante ganhar aqui em Macapá, para na semana que vem decidir em casa com o Palmas”, finalizou.

O preparador físico Francisco Júnior é que vai comandar o time na área técnica, substituindo nesse jogo o treinador Vinicius Saldanha que cumpre medida disciplinar por ter sido expulso no jogo Imperatriz 3 x 2 Guarani de Juazeiro.

Motivado pela volta do volante Otávio e ausência do atacante Cris o técnico Vinicius Saldanha não divulgou a escalação do Cavalo de Aço. É provável que o Imperatriz entre em campo com Raniere; Clayton Carioca, André, Leone e Edson; Otávio, Daniel Barros, Juninho Pindaré e Rubens; Junior Chicão e Raillan.

sem comentário »

PT lança pré-candidato a prefeito em Ribamar Fiquene

1comentário
Foto: Edvan Melo/divulgação

Foto: Edvan Melo/divulgação

RIBAMAR FIQUENE Em reunião realizada por um grupo de líderes do Partido dos Trabalhadores na noite de sexta-feira (31), em Ribamar Fiquene, foi discutida a conjuntura política gestão atual e a decisão pelo lançamento da pré-candidatura de Ney Difroge à sucessão do prefeito Edilomar Miranda, nas eleições de 2016.

Durante o encontro dos líderes na residência do micro-empresário Edvan Melo Teixeira, o presidente do Diretório Municipal do PT, o radialista Raimundo Silva (popular Pitomba) destacou que o partido está aberto a discussões de filiados para preparar a nominata dos que pretendam disputar cargos de vereador. Disse ainda, que o nome de Ney Difroge representa todas as condições para ser o candidato a prefeito pelo PT e as transformações no programa de políticas públicas que a população de Ribamar Fiquene tanto clama: educação de qualidade, saúde com responsabilidade, infraestrutura e projeto de avanços para o crescimento e o desenvolvimento do município.

Diante de vários nomes que se anunciam como possíveis pré-candidatos à Prefeitura, por partidos e grupos políticos, o empresário Ney Difroge falou aos presentes, afirmando de maneira positiva, o seu compromisso com o grupo, para enfrentar o desafio e garante estar preparado para disputar as eleições de prefeito com o apoio dos aliados e militantes do PT e outros partidos na coligação partidária.

Ney Difroge foi secretário de Infraestrutura da Prefeitura de Ribamar Fiquene no período de 2013 a fevereiro de 2015, quando foi exonerado pelo prefeito atual. Agora no grupo de oposição se coloca a disposição para concorrer ao cargo de prefeito em 2016.

Nas eleições de 2012 o PT lançou a candidatura de José Teles que concorreu à Prefeitura e obteve 32 votos. Depois do pleito, o ex-candidato desapareceu da cidade e da militância do partido, disse Raimundo Silva.

1 comentário »