Edivaldo faz caminhada na Vila Palmeira

2comentários

EdivaldoHolandaJunior

Em mais uma grande manifestação de apoio, o prefeito de São Luís e candidato à reeleição, Edivaldo Holanda Junior (PDT) e o seu vice na chapa, Júlio Pinheiro (PCdoB) foram recebidos, na tarde desta quinta-feira (13), com alegria e empolgação na Vila Palmeira e comunidades próximas. A avalanche 12, com cerca de duas mil pessoas, passou pelas ruas durante a caminhada “Todos com Edivaldo”.

Para os moradores da Vila Palmeira e Região, a gestão de Edivaldo foi bem-sucedida com avanços que podem ser vistos em vários pontos da cidade. Na opinião do produtor cultural, Biné Gomes, o atual prefeito de São Luís provou que sabe administrar um governo mesmo em período de crise financeira, ao mesmo tempo que se captar recursos Para que a cidade não pare.

“Estamos passando pela maior crise econômica dos últimos tempos. Estados e municípios atrasando pagamentos, com alguns entrando em estado de calamidade pública. E aqui em São Luís, Edivaldo tem obras espalhadas e concluídas em toda a cidade “, disse Biné Gomes. “A maioria das benfeitorias foi e está sendo nos bairros mais humildes”, completou o moradora Nilton Damasceno.

Lideranças políticas prestigiaram o mega ato de campanha. Entre eles, o deputados estadual Bira do Pindaré (PSB), os vereadores Pedro Lucas, Concita Pinto, Nato Júnior, Marcelo Poeta, Beto Castro; os presidentes municipais do PSC, Israel Ferreira; do PRP, Hélio Soares; e do PT, Fernando Magalhães.

O candidato da coligação “Pra Seguir em Frente” aproveitou para conversar com os eleitores sobre algumas propostas que irá ampliar na área da infraestrutura. Até o fim do ano a mais 6 interbairros serão entregues a população. “E na segunda etapa do nosso planejamento serão mais interbairros, mais 3.600 ruas asfaltadas e a urbanização vai chegar em mais outros 95 bairros de São Luís”, afirmou Edivaldo.

A coligação “Pra Segui em Frente” (PDT, PCdoB, DEM, PROS PTB, PSC, PRB, PTC, PEN, PR, PT e PSL) comunica que nesta sexta-feira (14), às 16h, acontece a Plenária das Mulheres, na sede da Favela do Samba (Sacavém). No evento serão apresentadas várias informações a respeito da gestão e das propostas de Edivaldo para o próximo mandato.

Foto: Divugação

2 comentários »

Eduardo Braide reúne agentes de saúde

1comentário
Eduardo Braide se reúne com representantes dos agentes comunitários de saúde

Candidato Eduardo Braide se reúne com representantes dos agentes comunitários de saúde

Com o objetivo de ouvir as reivindicações dos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) de São Luís, o candidato a prefeito, Eduardo Braide (PMN), esteve nesta quinta-feira (13), com representantes da categoria.

Os servidores levantaram questões como as melhorias nas condições de trabalho, a falta de investimento no Programa Saúde da Família (PSF), além da falta de seletivo público.

“Eu irei conversar diretamente com os agentes comunitários de saúde. É evidente que o secretário (a) de saúde estará presente, mas quem vai conversar com vocês sou eu diretamente. E tudo aquilo que puder ser feito dentro da legalidade e das possibilidades do município será feito. Eu sei a importância que tem um agente comunitário de saúde”, destacou Eduardo Braide.

Atualmente a rede municipal conta com 97 Agentes Comunitários de Saúde credenciados em Postos de Saúde da Família (PSF) segundo dados do Conselho Municipal de Saúde.

“Quantas internações um agente comunitário de saúde não consegue evitar? Quantas situações de emergência que as pessoas buscam nos Socorrões, os agentes comunitários não poderiam evitar? Então, nós precisamos, sim, investir na atenção primária. Não existe categoria valorizada se a categoria não tiver autonomia, respeito e é isso que garanto na nossa administração: o meu relacionamento com os agentes comunitários de saúde” garantiu o candidato.

Eduardo também destacou a importância de seletivo para o cargo de agente comunitário de saúde. “Não há dúvida nenhuma de que nós iremos sim fazer seletivo para a contratação de novos agentes comunitários de saúde de São Luís. Governar é saber escolher prioridades e a nossa prioridade é com saúde. Não tenham dúvida nenhuma de que tudo que eu puder fazer para melhorar a saúde da nossa cidade, nós iremos fazer”, finalizou.

(mais…)

1 comentário »

Adriano denuncia descaso do governo Dino

5comentários
Adriano recebeu apoio de outros parlamentares como Edilázio Júnior (PV), César Pires (PEN), Sousa Neto (PROS) e Max Barros (PRB).

Deputado Adriano denuncia descaso do Governo Flávio Dino com escola em Presidente Sarney

O deputado estadual Adriano Sarney (PV) denunciou o descaso do governo Flavio Dino (PCdoB) com a Educação no município de Presidente Sarney. Segundo o parlamentar, cerca de 700 alunos da rede estadual de ensino médio estão sem aula desde maio deste ano.

Adriano afirma que o governo demitiu 30 professores do quadro de contratados, restando apenas sete do quadro de efetivos concursados. Sem aulas e praticamente sem professores, os estudantes correm risco de perder o ano letivo e certamente serão prejudicados no processo do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM).

“O governador Flávio Dino precisa ter consciência de que não se pode tratar a Educação no estado, o futuro de nossas crianças, principalmente nesse caso do município de Presidente Sarney, como se fosse objeto político, como uma oportunidade de perseguir os que não votam nos seus aliados políticos”, declarou Adriano.

O deputado fez um requerimento para a Assembleia Legislativa de pedido de informações ao Governo do Estado sobre a situação do ensino médio no referido município e, ainda na tribuna, cobrou do Executivo uma solução para o caso dos professores contratados.

“O motivo da demissão dos 30 professores contratados não sabemos ao certo. Talvez isso tenha sido feito para que o governo Flávio Dino realize um novo processo seletivo para colocar docentes que o aplaudem ou ao seu partido no Maranhão”, ressaltou o deputado.

5 comentários »

Joaquim Haickel coloca pesquisas em dúvida

11comentários

JoaquimHaickelPesquisas

“Não precisa ter o resultado das pesquisas no Maranhão para saber o que elas vão dar, basta saber quem são as empresas e a quem elas estão ligadas!”.

A declaração é de Joaquim Haickel ex-deputado estadual e ex-secretário de Estado de Desporto e Lazer do governo Roseana Sarney e aumenta ainda mais a discussão sobre os resultados que os institutos vem divulgando nesta eleição em São Luís.

Haickel até antecipa o que acredita ser os resultados dos próximos levantamentos que serão divulgados pelos institutos.

“As novas pesquisas da eleição em São Luís! Empate técnico: Ibope e Prever com Braide na frente e Econométrica e Data M com Edivaldo na frente”, garante.

E finaliza com insinuações que só ele mesmo poderia explicar melhor.

“Não conheço ninguém do Ibope e estou até fora do Maranhão! Mas tenho experiência suficiente para saber algumas coisinhas!”.

Por coisas desse tipo que um dia, ainda espero que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) proíba a divulgação de pesquisas eleitorais no país.

Foto: Facebook

11 comentários »

São Luís terá Força Federal no 2º turno

0comentário
FORCAFEDERAL

A Força Federal chegará a São Luís 48 horas antes da eleição no domingo dia 30 de outubro

Durante a sessão administrativa desta quinta-feira (13), os ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) autorizaram o envio de Força Federal para atuar durante o segundo turno na capital do Maranhão, São Luís. No primeiro turno, 52 municípios maranhenses, incluíndo São Luís receberam o auxílio da Força Federal.

De acordo com o voto do relator, ministro Henrique Neves, a atuação das forças de segurança é necessária em virtude dos fatos que ocorreram no primeiro turno, com registro de violência quando ônibus e escolas foram incendiados por bandidos que promoveram uma onda de ataques na cidade.

O ministro dispensou, inclusive, a oitiva do governador, Flávio Dino, uma vez que no primeiro turno o pedido de reforço na segurança foi feito pelo próprio chefe do Poder Executivo. A Força Federal chegará a São Luís 48 horas antes da eleição. O Plenário ainda vai julgar pedido de Força Federal no segundo turno para Fortaleza (CE) e Rio de Janeiro (RJ).

O segundo turno será realizado no próximo dia 30 de outubro e o eleitorado da capital maranhense (659.779 eleitores) voltará às urnas para escolher entre Edivaldo Holanda Junior (PDT) e Eduardo Braide (PMN). Edivaldo Holanda é o atual prefeito e candidato à reeleição. Eduardo Braide é deputado estadual e concorre pela primeira vez à Prefeitura de São Luís.

Foto: Isaac Amorim/Agência MJ

sem comentário »

Eduardo Braide lamenta caso Cafeteira

5comentários

EduardoBraideCafeteira

O candidato Eduardo Braide (PMN) lamentou a utilização da sua imagem num perfil que seria falso e no qual o ex-senador e ex-governador Epitácio Cafeteira seria um dos seus apoiadores neste segundo turno.

“Mais uma vez, tentam usar o nosso nome em informações falsas usando, inclusive, o nome do ex-senador Cafeteira, a quem desejo saúde. Vamos manter uma campanha limpa, sem esse jogo sujo”, disse.

O deputado Rogério Cafeteira, sobrinho e herdeiro político do ex-senador também lamentou o episódio.

“Campanha não é um vale-tudo. Eu e minha família repudiamos veementemente esse ato desrespeitoso contra o meu tio e ex-senador Cafeteira”, escreveu no Tweeter.

RogerioCafeteira

5 comentários »

Othelino e as conversas ‘secretas’ de Braide

5comentários

O deputado estadual e vice-presidente da Assembleia Legislativa, Othelino Neto (PCdoB) postou no Tweeter comentário sobre as conversas do candidato Eduardo Braide (PMN) em busca de apoio político neste segundo turno da eleições para a Prefeitura de São Luís.

Os posts foram retuitados pelo líder do governo, deputado Rogério Cafeteira (PSB).

Othelino

Othelino2

Tudo isso dentro da base de apoio do governador Flávio Dino (PCdoB), na Assembleia Legislativa.

Neste segundo turno, já declararam apoio a Eduardo Braide os vereadores José Joaquim Ramos (PMDB), Rose Sales (PMB), Estevão Aragão (PSB), Edmilson Jansen (PTC),  professor Sá Marques (PHS), Chaguinhas (PP), Silvino Abreu (PRTB) Manoel Rego (PP), Marlon Garcia (PSDC), Armando Costa (PTdoB) e Luciana Mendes (PP). Em todas essas adesões, Braide tirou fotos e divulgou na imprensa.

Resta saber quem Othelino quer mostrar que Braide está escondendo????

5 comentários »

PF cumpre mandados em cidades do Maranhão

0comentário

PolíciaFederalA Polícia Federal cumpre mandados judiciais expedidos pela Justiça Federal em São Luís, Caxias e Governador Nunes Freire dentro da Operação Ápia, deflagrada nesta quinta-feira (13), em conjunto com o Ministério Público Federal e Controladoria Geral da União com o objetivo de desarticular organização criminosa que atuou no Estado do Tocantins fraudando licitações públicas e execução de contratos administrativos celebrados para a terraplanagem e pavimentação asfáltica em diversas rodovias estaduais.

Participam da operação cerca de 350 policiais federais. Ao todo estão sendo cumpridos 113 mandados judiciais expedidos pela Justiça Federal sendo, 19 mandados de prisão temporária, 48 de condução coercitiva e 46 de busca e apreensão nas cidades de Araguaína, Gurupi, Goiatins, Formoso do Araguaia, Riachinho e Palmas, no Tocantins. Em Goiás, nas cidades de Goiânia, Aparecida de Goiânia e Anápolis. No Maranhão, em São Luís, Governador Nunes Freire e Caxias. Também estão sendo cumpridos mandados em Belo Horizonte, São Paulo, Brasília e Cocalinho-MT.

A investigação apontou um esquema de direcionamento de concorrências envolvendo órgãos públicos de infraestrutura e agentes públicos do Estado, nos anos de 2013/2014. Essas obras foram custeadas por recursos públicos adquiridos pelo Estado, por meio de empréstimos bancários internacionais e com recursos do BNDES, tendo o Banco do Brasil como agente intermediário dos financiamentos no valor total de cerca de R$1,2 bilhão de reais. Os recursos adquiridos tiveram a União como garantidora da dívida.

O foco da investigação são as obras nas rodovias licitadas e fiscalizadas pela secretaria de infraestrutura, que correspondem a 70% do valor total dos empréstimos contraídos.

Chamou a atenção dos investigadores o fato de que, em um dos contratos, uma empreiteira pediu complemento para realização da obra de mais de 1.500 caminhões carregados de brita. Se enfileirados, esses veículos cobririam uma distância de 27 km, ultrapassando a extensão da própria rodovia. Em outra situação, a perícia demonstrou que para a realização de determinadas obras, nos termos do contrato celebrado, seria necessário o emprego de mão de obra 24 horas por dia, ininterruptamente, o que, além de mais oneroso, seria inviável do ponto de vista prático.

Estima-se que o prejuízo aos cofres públicos gire em torno de 25% dos valores das obras contratadas, o que representa aproximadamente R$ 200 milhões de reais.
Os investigados responderão pelos crimes de formação de cartel, desvio de finalidade dos empréstimos bancários adquiridos, além de peculato, fraudes à licitação, fraude na execução de contrato administrativo e associação criminosa. Somadas as penas podem ultrapassar 30 anos.

O nome da operação se refere à Via Ápia, uma das principais estradas da antiga Roma.

sem comentário »