Sampaio está vivo

19comentários

Sampaio

O Sampaio venceu o Paysandu por 2 a 0, com dois gols de Jheimy e segue na briga pelo acesso à Série A. Foi o reencontro do Sampaio com as vitórias, pois a equipe não vencia há seis jogos.

Com o resultado, o Sampaio subiu da nona para a quinta posição com 50 pontos, mas ainda está a 4 pontos do Bahia que é o último colocado no G4. O time maranhense foi beneficiado com os resultados negativos de Náutico, Santa Cruz e Luverdense.

O Sampaio abriu o placar aos 25 minutos. Raí cobrou escanteio, Diones tentou de cabeça, Edgar não conseguiu dominar e a bola sobrou para Jheimy chutar forte e fazer o 1 a 0.

Nos acréscimos, Jheimy ganhou a disputa com a defesa do Paysandu e bateu e rasteiro para fazer 2 a 0, aos 50 minutos.

O próximo adversário do Sampaio é o ABC. A partida acontece no sábado às 21h, no Frasqueirão, em Natal.

Foto: Biaman Prado

19 comentários »

Audiência com concursados

3comentários

WellingtondoCurso

O deputado estadual Wellington do Curso (PPS) presidiu, na tarde desta sexta-feira  (23), a Audiência que discutiu sobre a convocação para o 2° Curso de Formação dos aprovados no último concurso da Polícia Civil, realizado em 2012.

A reunião aconteceu no Plenarinho da Assembleia Legislativa e contou com a presença do presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Maranhão, Heleudo Moreira; do segundo vice-presidente do Sindicato, João Victor Ramos; dos representantes dos remanescentes, Izana Rubim e Marcos Assunção, além dos candidatos que fizeram o segundo curso de formação e aguardam convocação.

Ao se pronunciarem, os aprovados lamentaram a ausência de representatividades do governo na audiência, pois, segundo informaram, por diversas vezes procuraram os responsáveis para um possível diálogo e até hoje não obtiveram atendimento.

O deputado Wellington do Curso, que desde o início de seu mandato tem se posicionado sensível à causa, reafirmou seu apoio incondicional na busca por aquilo que, segundo ele, é direito do aprovado em concurso público: a legitimidade para exercer o cargo, e afirmou, ainda, que está à disposição da categoria na tentativa de intermediar para a possível solução.

Durante seu discurso, o parlamentar também ressaltou que é da base governista, mas sempre estará ao lado do povo e em defesa das minorias.

Dentre os 173 aprovados que aguardam o 2°curso de formação, estão 13 peritos, 130 investigadores, 9 auxiliares de perícia e 21 escrivães, sendo que dentre os cargos estão disponíveis 304 vagas para investigador de polícia, 44 vagas para auxiliar de perícia, 84 vagas para escrivão e 43 para perito criminal.

Ao final da audiência, ficou marcada uma reunião dos aprovados para a próxima quarta-feira (28) com a Comissão de Segurança da Assembleia Legislativa.

3 comentários »

Eleição no PMDB

5comentários

AndreaMurad

Andrea Murad, Hildo Rocha e Ricardo Murad apresentaram hoje em um encontro com a imprensa as propostas da chapa “Renovar para crescer”, já protocolada no PMDB. Na reunião, os pmdbistas explicaram o processo eleitoral para nova direção estadual que está prevista para acontecer dia 30 de outubro e revelaram ter falhas no processo de eleição que consideraram estar ‘viciado’ pelos longos anos que se apresentou chapa única. Ricardo Murad explicou algumas violações das normas estatutárias, o que poderá provocar o adiamento da eleição e assim garantir os direitos da chapa concorrer democraticamente de acordo com o que dispõe o Estatuto do PMDB.

“É importante que se respeite o prazo que nós precisamos ter para fazer campanha. Nós queremos ter a oportunidade de ir aos diretórios, de ir aos convencionais apresentar as nossas propostas, pra depois disso ter eleição. Mas não pode ser: convocar no dia 20, com 2 dias termos que apresentar chapa e com 10 dias você ter que votar. Temos um fato grave e vamos pedir a anulação dessa reunião do diretório, pedir a convocação de uma nova reunião de diretório para fixar os membros, com 45 dias antes do pleito. O estatuto garante isso para preservar a democracia interna, o direito de concorrer”, explicou Ricardo Murad sobre os comunicados fora dos prazos e ausência de informações sobre o pleito.

O deputado federal Hildo Rocha disse que a chapa representa o desejo de ter um PMDB forte, não apenas no Brasil, mas no Maranhão, considerado hoje uma legenda apequenada pela forma como vem sendo conduzida nos últimos anos. Anunciado como um dos principais incentivadores da candidatura de Andrea Murad à presidência do diretório estadual, Hildo Rocha disse que a deputada reúne condições e capacidade de renovar o partido.

“O partido, por causa da sua direção, não ouve a base. Quando o partido quer fazer algum ato sai colhendo as assinaturas. Não é o correto. O correto é reunir os filiados do partido, conversar e haver o debate democrático. Ora, se só existe democracia porque existe partido político e o partido é fundamental para a democracia, como é que não existe democracia dentro do partido? E o PMDB há muitos anos deixou de ser democrático. As decisões partidárias elas são individuais e não democráticas. O que Andrea traz de novidade é essa capacidade que ela tem de ouvir. Eu vejo na Andrea a pessoa que personaliza o PMDB que nós queremos no Maranhão. Andrea reúne qualidades suficientes para fazer com que o partido PMDB cresça novamente”, disse Hildo Rocha aos jornalistas.

A deputada Andrea Murad relatou ainda que as propostas são frutos de conversas com pmdbistas em todo o Maranhão que revelaram as insatisfações com o atual diretório. A parlamentar também contou sobre o apoio maciço dos membros que desejam ver o partido renovado no estado.

“Todos, sem exceção, que eu consigo entrar em contato estão insatisfeitos com o partido e por isso demonstram total apoio à nossa chapa que realmente se propõe a trazer algo novo para o partido. Levar o PMDB a todos os 217 municípios já que hoje está reduzido a menos da metade; apoiar diretórios municipais nas prestações de contas anuais; garantir toda assistência jurídica e contábil aos nossos candidatos antes, durante e depois das eleições; e utilizar os recursos do fundo partidário, por exemplo, garantindo material gráfico, pesquisas eleitorais, assessoria de marketing; e também uma centra de estudo que se discuta e proponha soluções para os problemas do estado. Temos recursos e estes devem ser utilizados em benefícios de todos”, explicou a candidata à presidência.

5 comentários »

Caça às bruxas

0comentário

FlavioDino

Definitivamente se tem algo que o Governo Flávio Dino não pode ser tachado é de democrático, principalmente na área da Segurança Pública.

Nesta sexta-feira (23), o blog recebeu a informação que três militares, aqueles que estão à frente da luta pelos direitos da categoria, serão transferidos por determinação do comando da Polícia Militar do Maranhão.

O soldado Leite, um dos militares que mais reivindica direitos para a categoria, foi inclusive um dos ‘cabeças’ do movimento grevista da PM no Governo Roseana, já foi informado de sua transferência. Leite estava lotado em Timon, mas com uma explicação pouco convincente, será transferido para a cidade de Presidente Dutra.

sd-leiteA transferência do soldado Leite foi abordada pelo Blog do Ebnilson, que também é sargento da Polícia Militar do Maranhão, com o título “Caças as bruxas: liderança militar é transferida”.

Entretanto, o caso do soldado Leite não foi o único. Outras duas lideranças da Polícia Militar também serão transferidas, os militares Diego de Bacabal e R Barros de Imperatriz. Diego sairá de Bacabal para Marajá do Sena, já R Barros ainda não sabe para onde será deslocado, mas já sabe que não permanecerá em Imperatriz.

O curioso é que os três militares, até pelo papel que possuem, conversam por telefone com deputados oposicionistas, principalmente com o deputado Sousa Neto (PTN), o que reforça a tese de “grampo”, abordada no início desta semana na Assembleia Legislativa. O próprio Sousa Neto atribui a ‘queda’ do coronel Sá do sub-comando da PM por conta de contato telefônico com ele.

Vale ressaltar que o sargento Ebnilson foi vítima de constrangimento já nesta semana, quando da operação de reintegração de posse do terreno do Sampaio. Tudo pelo fato de que alguns militares estavam reclamando do atraso da comida, que não havia sido fornecida para alguns militares e já passavam das 13h, como ele relatou no seu blog.

As atitudes antidemocráticas e ditatoriais do Governo Flávio Dino devem gerar reação dos policiais militares. Alguns mais revoltados com o tratamento que a tropa está recebendo, já defendem até uma nova greve da Polícia Militar do Maranhão.

É aguardar e conferir..

Blog do Jorge Aragão

sem comentário »

Times pressionados

1comentário

Sampaio

Sampaio e Paysandu fazem jogo de vida ou morte, hoje, às 16h30, no Estádio Castelão. As duas equipes entram em campo pressionadas e com a obrigação de vencer, principalmente o Sampaio que está a 7 pontos do G4 com as vitórias de Bahia e América-MG na abertura da 32ª rodada.

O Sampaio é o 9º colocado com 47 pontos. O Paysandu tem 49 pontos e está na 5ª posição. No primeiro jogo, em Belém, as duas equipes empataram por 1 a 1. O Sampaio não cence há seis rodadas, o Paysandu há cinco.

Para o jogo de hoje, o Sampaio terá três modificações. Na lateral-esquerda, Raí aparece no lugar de Anderson. Válber retorna ao meio-campo e Edgar, recuperado de lesão na partida com o Botafogoo retorna ao time titular. Além disso, Pimentinha e Henrique estarão no banco de reservas.

O Sampaio deverá terá: Rodrigo; Daniel Damião, Luíz Otávio, Plínio e Raí; Léo Salino, Diones, Válber e Nádson; Edgar e Jheimy.

No Paysandu, o lateral-direiro Pikachu – principal destaque da equipe estará de volta após cumprir suspensão contra o Macaé. O time de Dado Cavalcanti deverá ser: Emerson; Yago Pikachu, Thiago Martins, Fernando Lombardi e João Lucas; Ricardo Capanema, Fahel, Jhonnatan e Roni; Welinton Júnior e Leandro Cearense

1 comentário »