Emergência em São Luís

4comentários

edivaldoholandajuniorO prefeito Edivaldo decretou estado de emergência nas áreas do município de São Luís mais afetadas pelas intensas chuvas que caíram na cidade desde o início do mês. O decreto cobre 41 bairros da capital maranhense. A decisão considerou parecer técnico favorável da Superintendência de Defesa Civil de São Luís, em virtude do desastre classificado e codificado como “Chuvas Intensas”, seguindo a Codificação Brasileira de Desastre (Cobrade), do Ministério da Integração Nacional.

No decreto, o prefeito Edivaldo esclarece que os temporais que provocaram inundações, afetando diversos pontos da infraestrutura da cidade e desabrigando de maneira crescente famílias inteiras, superaram a capacidade de resposta do poder público.

Pelo texto está garantida a mobilização dos órgãos municipais nas ações de resposta ao desastre e reabilitação das áreas afetadas, convocação de voluntários e realização de campanhas de arrecadação de recursos, sob coordenação da Superintendência de Defesa Civil Municipal. As ações visam facilitar a assistência à população afetada pelo desastre.

A decisão do prefeito também autoriza a pronta desocupação de casas, bem como a entrada imediata nelas em situações de prestação de socorro. No caso de iminente perigo, fica autorizado o uso de propriedade particular e posterior indenização. O decreto assegura ainda que propriedades localizadas em áreas de risco serão desapropriadas por meio de declaração de utilidade pública.

A partir do documento, com base na Lei nº 8.666, estão desobrigados de processos licitatórios os contratos de aquisição de bens necessários às atividades de resposta ao desastre, prestação de serviços e obras de reabilitação do cenário devastado concluídas no prazo máximo de até 180 dias.  Esse prazo, improrrogável, será contado a partir da caracterização do desastre.

Áreas em Estado de Emergência

Zona Urbana: Barramar, Altos do Calhau, Centro, Divinéia, Olho D´Água, Turu, Cohab, João Paulo, João de Deus, Jordoa, Anil, Aurora, Pão de Açúcar, Forquilha, Vinhais, Cohama, Bequimão, Angelim, Cohafuma, Cidade Olímpica, Cidade Operária, São Raimundo, Jardim América, Vila Embratel, Sá Viana, Areinha, São Cristovão, Coroadinho, Salinas do Sacavém, Túnel do Sacavém, Cohab Sacavém, Parque Sabiá, Fumacê, Anjo da Guarda, Vila Lobão e Vila Isabel Cafeteira.

Zona Rural: Vila Maranhão, Vila Funil, Airton Senna, Vila Itamar e Residencial Canaã.

Pronunciamento

Os agravos ocasionados à cidade levaram o prefeito a anunciar na quarta-feira (21), em pronunciamento oficial na sede da Prefeitura, a intenção de buscar parcerias com os governos federal e estadual para solucionar os problemas de infraestrutura ocasionados pelas chuvas. Edivaldo enfatizou a mobilização geral e permanente da equipe de governo para amparar as famílias desabrigadas e afetadas por prejuízos de toda ordem.

Na ocasião, o prefeito apresentou um balanço da grave situação financeira do município, os estragos causados em diversos pontos da cidade e os avanços registrados pela administração. Nas considerações do decreto de emergência, o prefeito ratifica o elevado e anormal índice pluviométrico ocorrido neste período, a cidade recebeu em apenas dois dias o volume de chuvas relativo a um mês inteiro.

Foto: Maurício Alexandre

4 comentários »

É hoje???

7comentários

De olho na primeira vitória no Castelão, o Sampaio volta a campo neste sábado para enfrentar o Luverdense-MT, pelo Campeonato Brasileiro Série B.

Em dois jogos em casa até aqui, o Sampaio foi derrotado pelo Paraná por 2 a 0, e empatou com o Oeste por 2 a 2, quando vencia até 46 minutos do segundo tempo. Agora, o Tricolor que acabar com essa fase ruim em casa. Se depender dos jogadores e da torcida do Sampaio que promete lotar o Castelão, a vitória hoje não escapa!

Mas terá pela frente um adversário muito difícil. O Luverdense cumpre excelente campanha e está invicto neste início de Série B. No ano passado, em dois confrontos, Sampaio e Luverdense empataram ambos. O maranhense Misael que é titular no Luverdense não disputará a partida por motivo de contusão.

O time do Sampaio terá a mesma equipe que empatou com o Vasco por 1 a 1, em Teresina: Rodrigo Ramos, Hiltinho, Paulo Sérgio, Edimar e Willian Simões. Uilian Corrêa, Arlindo Maracanã, Márcio Diogo e Válber. Pimentinha e David Batista.

A cobertura completa de Sampaio e Luverdense, às 16h20, no Castelão você acompanha pela Rádio Mirante AM. Confira os outros jogos deste sábado:

rodada

7 comentários »

Paralisação total

0comentário

isaias_castelo_brancoO Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário (Sttrema) anunciou que a partir de terça-feira (27), a paralisação de motoristas, cobradores e fiscais de ônibus chegará a 100% caso não sejam abertas as negociações com empresários e a Prefeitura de São Luís.

“Hoje pela manhã fizemos assembleias nas postas de garagens e os trabalhadores nos cobraram posicionamento. Se até segunda-feira (26) não houver um avanço nas negociações, na terça cruzariam os braços, 100% sem sair das garagens”, disse em entresta à Rádio Mirante AM.

Ontem, durante entrevista coletiva, o presidente do Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de São Luis (SET), José Luiz de Oliveira Medeiros disse que os empresários não tem condição de conceder qualquer reajuste aos trabalhadores. A Prefeitura de São Luís ainda não se manifestou sobre o assunto.

Os trabalhadores querem 16% de reajuste salarial; reajuste do ticket-alimentação para R$ 500; inclusão de um dependente no plano de saúde e implantação do plano odontológico, dentre outros benefícios.

Foto: Biné Moraes/O Estado

sem comentário »

Caminho certo

3comentários

felipeTem razão quem diz que futebol se ganha dentro e fora de campo. Depois de garantir a permanência da excelente base do Campoenato Maranhense, o Moto começa a buscar alguns jogadores que foram destaque no Estadual por outras equipes.

Raniére (Maranhão), Fágner (Santa Quitéria), Luís Henrique (São José) foram os primeiros. Outros deverão vir para compor o elenco. Mas o clube negocia com atletas de fora e deverá se reforçar com pelo menos oito de fora, todos indicados pelo treinador Édson Porto que dará continuidade ao trabalho iniciado em fevereiro.

Além disso, o Moto busca se estruturar fora de campo para dar todas as condições aos jogadores que disputarão o Campeonato Brasileiro Série D. O Centro de Treinamento recebe melhorias, por exemplo.

Hoje, os jogadores começaram a passar por uma bateria de tratamentos odontológicos. O meia Felipe foi o primeiro. O Moto está cuidando muito bem dessa geração que pode significar muito para o clube num futuro bem próximo. E todo esse trabalho tem à frente o competente diretor de futebol Waldemir Rosa que aqui sabe como poucos garimpar jovens talentos no futebol.

Nos próximos dias, os jogadores terão que enfrentar os exames médicos. Após essa etapa, o Moto inicia a sua preparação para a competição nacional lá pelo dia 2 de junho.

É por ai. Time que começa bem fora de campo tem tudo para colher os resultados mais adiante…

3 comentários »

Pedido de ajuda

2comentários

gilcutrimPrefeitos dos municípios de São José de Ribamar, São Luís, Paço do Lumiar e Raposa irão apresentar à governadora Roseana Sarney (PMDB) levantamento completo sobre os estragos causados pelas fortes chuvas nas suas respectivas cidades. O objetivo é estabelecer um canal de diálogo e formalizar, em caráter emergencial, parcerias no sentido de recuperar a infraestrutura das regiões mais atingidas.

A reunião entre os gestores foi proposta pelo prefeito ribamarense Gil Cutrim (PMDB) e deve acontecer já no início da próxima semana. Esta semana, Cutrim, em função dos problemas ocasionados pelos temporais, decretou estado de emergência em São José de Ribamar por um período de 60 dias. O prejuízo causado aos cofres públicos municipais, devido aos danos causados à infraestrutura dos bairros, já chega ultrapassou a casa dos R$ 10 milhões, de acordo com Cutrim.

“Já contatei os prefeitos Edivaldo, Clodomir e Josemar e cada um deles já está preparando seus respectivos levantamentos de danos. Em São José de Ribamar, nosso levantamento, contendo inclusive registros fotográficos das áreas mais atingidas, já está pronto. Bairros de todas as regiões da cidade foram duramente castigados pelas fortes chuvas que continuam caindo”, afirmou o prefeito, que também é presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem).

De acordo com ele, os principais problemas dizem respeito ao desmoronamento de trechos de avenidas, ruas, obras de drenagem, residências e pontes, situação que está dificultando a vida do cidadão e impedindo o trânsito de pedestres, veículos e do transporte coletivo, por exemplo.

Nesta sexta-feira (23), o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PTC) também decretará estado de emergência em São Luís.

Na avaliação de Gil Cutrim, é necessário que o Governo do Estado e o próprio Governo Federal, entes mais fortes financeiramente, ajudem os municípios da Ilha afetados pelas chuvas. “Também iremos provocar a União no sentido de auxiliar os municípios neste momento de dificuldade”, finalizou o prefeito.

2 comentários »

Policiamento nas ruas

2comentários

MarcosAfonsoO secretário de Segurança Pública, Marcos Afonso Júnior disse em entrevista ao jornalista Roberto Fernandes, no Ponto Final, na Rádio Mirante AM que a Polícia vai intensificar o policiamento nas ruas de São Luís. Segundo o secretário, a situação mais delicada é dos delitos mais comuns, roubos, etc.

“A solução é policiamento na rua. Começamos a trabalhar muito nesse sentido, inclusive na semana passada tivemos uma grande operação, a operação Águia. Eu peço a compreensão da população em ser abordada, aquilo é para sua própria segurança. É um pouco incômodo, mas faz parte. Vamos ter mais operações, já sentimos reflexos interessantes em algumas áreas. O investimento foi alto e o policiamento começou a ir paras ruas. O patrulhamento intensivo nessas áreas vai ajudar”, disse.

Marcos Afonso confirmou a ampliação no sistema de videomonitoramento em São Luís.

“O sistema de videomonitoramento foi um grande avanço. Agora, claro, que falta uma complementação e estamos trabalhando nisso. Hoje, você não tem como detectar o ponto exato onde está a viatura para enviá-la até a ocorrência. O complemento que falta é poder determinar essa localização de forma exata. Todos os nossos rádios serão digitalizados e, com isso, vamos ter essa facilidade”, explicou.

Foto: Raquel Soares

2 comentários »

Castelo é candidato

9comentários

flaviodinoecasteloPor Gilberto Léda

Se alguém ainda esperava uma declaração do próprio ex-prefeito de São Luís, João Castelo (PSDB), afirmando que pretende ser candidato a senador – até agora só aliados e a filha, deputada estadual Gardênia Castelo (PSDB) falavam por ele -, não precisa mais.

Em entrevista ao jornalista Léo Costa, na TV Nativa, ontem (22) em Imperatriz, o tucano disse que “o povo quer” e que, por isso, ele é pré-candidato a senador.

“Eu sou pré-candidato a senador. Eu não posso deixar de ser. No Maranhão inteiro, depois de um determinado momento, o povo começou a me ligar, insistindo pela minha candidatura. Fizeram várias pesquisas, o que mostra a preferência popular pelo meu nome para senador, considerando a minha experiência, o serviço prestado ao Estado ao longo desses anos todos. E eu, então, não posso chegar e dizer que eu não sou. Eu tenho partido, tenho legenda, o povo quer. Eu só faço o que o povo quer. Quem me comanda é o povo”, disse.

Sendo assim, o vice-prefeito de São Luís, Roberto Rocha (PSB), pode começar a colocar o bloco na rua como candidato a governador, como ele mesmo declarou que faria, também nesta quinta-feira e também em Imperatriz, em bate-papo com blogueiros da região.

“Não há mais discussão nesta mesa quanto a titularidade para a vaga de senador, já que a vaga é do PSB e o partido me indicou. Não aceito dois candidatos na disputa para o Senado, se Castelo sentar na mesa como candidato a senador, eu saio e lanço minha candidatura ao governo”, garantiu.

Rocha fala sério, ou é mais um “PDT” entre os oposicionistas?

9 comentários »

Na próxima semana

8comentários

roseanagovernadoraA governadora Roseana Sarney (PMDB) sinalizou de forma positiva e vai receber o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PTC), na próxima semana para conversar sobre os problemas que atingiram São Luís nos últimos dias com as fortes chuvas. Além da governadora Roseana, o prefeito também pediu audiência com a presidenta Dilma Rousseff.

O pedido de audiência com a governadora foi feito pelo secretário de Governo, Rodrigo Marques para a secretária da Casa Civil, Anna Graziella Costa, mas a data do encontro ainda não foi confirmada.

A reação da governadora que tem feito muito por São Luís foi a melhor possível. Ela se diz disposta a trabalhar com todos os prefeitos, independentemente da corrente política. Roseana pedirá ao prefeito que apresente os projetos das obras que poderão ser executadas de possíveis parcerias com a Prefeitura de São Luís.

No ano passado, quando daquela onda de protestos, a governadora Roseana Sarney chegou a ligar para o prefeito Edivaldo Holanda Júnior para que pudessem trabalhar em conjunto por São Luís, mas não obteve retorno.

Devido aos problemas provocados pelas fortes chuvas, o prefeito Edivaldo Holanda Júnior, a exemplo do prefeito de São José de Ribamar, Gil Cutrim, também deverá decretar Estado de Emergência em São Luís.

Foto: Antônio Martins

8 comentários »

Puxão de orelhas

19comentários

vascoesampaio1O presidente do Sampaio, Sérgio Frota tirou o dia para fazer cobranças ao técnico Flávio Araújo e os jogadores do Sampaio, após o vacilo e o empate com saber de derrota com o Vasco, em Teresina, por 1 a 1, em Teresina. Foi um puxão de orelhas antes do treinamento de ontem (22), no Castelão.

Frota conversou em particular com o técnico  Flávio Araújo de quem pediu explicações. “Professor o que está faltando? Eu quero saber o que está acontecendo”. Foi este o tom da conversa entre os dois.

“O Sampaio está em dia e tenho dado todas as condições e atendido aos pedidos da Comissão Técnica e é claro que não poderia estar satisfeito com o Sampaio na 15ª posição, até porque com o time que temos deveríamos estar numa posição bem melhor”, adiantou Sérgio Frota.

O presidente também conversou com os jogadores e cobrou mais empenho. “Lembrei a eles que os pontos perdidos agora não serão recuperados e perdemos quatro nos dois últimos jogos nos últimos minutos e também perdemos um jogo em casa na estreia contra o Paraná”, explicou.

Frota disse ainda não aceitar a explicação de que falta experiência. “Não aceito isso, o Sampaio tem jogadores muito experientes como Rodrigo Ramos, Válber, Arlindo Maracanã e outros que já estão neste grupo há bastante tempo”.

O Sampaio enfrenta o Luverdense, neste sábado (24), às 16h20, no Estádio Castelão, em São Luís.

19 comentários »