Imperatriz reage e empata com o Sport em Recife

0comentário

O Imperatriz conquistou um bom resultado ao empatar com Sport, por 2 a 2, na Ilha do Retiro, em Recife, pela terceira rodada da Copa do Nordeste.

Os maranhenses perdiam o jogo por 2 a 0, até os 42 minutos do segundo tempo quando iniciaram uma reação surpreendente até empatar a partida quando ninguém mais acreditava.

Com o resultado, o Imperatriz permanece na terceira colocação do grupo B, com 4 pontos ganhos.

Gols do jogo

O Sport abriu o placar aos 16 minutos do primeiro tempo. Marquinhos tocou para Elton na área, que dominou e finalizou de canhota para vencer o goleiro Waldson.

Aos 34 minutos do segundo tempo, após cobrança de escanteio, Adryelson caído consegue ajeitar para Jean Patrick finalizar para o gol e fazer o segundo do Sport.

O primeiro gol do Cavalo saiu aos 42 minutos. Joelson passou por dois jogadores e a jogada termina com gol de Cesinha após escorada de Breno.

No minuto seguinte, outra vez o Imperatriz chegou. Após bola alçada na área do Sport, Luan Polli sai errado, bola bate em Raul Prata e sobra para Cesinha, sozinho, empatar o placar 2 a 2.

Próximos confrontos

O Imperatriz terá agora dois jogos no Estádio Frei Epifânio D’Abadia pela Copa do Nordeste. O primeiro será contra o Fortaleza, na segunda-feira (17), às 20h. Em seguida recebe o Ríver, no sábado (22), às 16h.

Mas antes da Copa do Nordeste, o Imperatriz enfrenta o Vitória-BA, na próxima terça-feira (11), às 21h30, pela Copa do Brasil, no Estádio Frei Epifânio D’Abadia.

Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press

sem comentário »

Adriano quer aumento de 17,49% a todos os professores

3comentários

O deputado estadual Adriano Sarney (PV), líder da oposição, apresentou na sessão de hoje (6) na Assembleia Legislativa, uma emenda que aprimora o projeto de lei 002/2020, que segundo o governador gera um novo piso de remuneração para os profissionais no Maranhão.

A emenda tinha como objetivo conceder o reajuste linear de 17,49% para toda a categoria, mas foi rejeitada durante sessão plenária pelos deputados da base governista que votaram contra.

“Apenas 23% dos professores vão receber o reajuste de 17,49%, mas a maioria irá receber um reajuste de 5%, o que não satisfaz a categoria”. declarou Adriano.

É importante ressaltar que, mesmo após a rejeição da sua emenda, o deputado Adriano votou a favor do projeto original do governo, pois todo o reajuste é importante para valorizar a classe e a educação. Até o presente momento, o Sinproesemma não realizou nenhuma assembleia geral com os professores.

“Vou continuar na luta para um reajuste mais justo para os professores do nosso Estado”, concluiu.

Foto: Kristiano Simas / Agência Assembleia

3 comentários »

Helena destaca aumento nos índices de feminicídio

0comentário

Na manhã desta quinta-feira (6), a procuradora da Mulher na Assembleia, deputada Helena Duailibe (Solidariedade), foi à tribuna para lamentar os índices de feminicídio no Brasil e no Maranhão.

Ela informou que, segundo estimativas da Organização Mundial de Saúde (OMS), o número de assassinatos no Brasil é de 4,8 para cada 100 mil mulheres, sendo apontada como a quinta maior taxa de feminicídio do mundo.

A parlamentar manifestou seu apoio aos familiares da jovem Bruna Lícia, vítima do ex-esposo, o soldado da Polícia Militar Carlos Eduardo Nunes Pereira.

“Na condição de titular da Procuradoria da Mulher do Poder Legislativo, quero manifestar minha solidariedade aos familiares da jovem. Ao mesmo tempo, registro aqui o meu total repúdio a esse crime hediondo, estendendo a minha indignação às mensagens de apoio veiculadas na mídia como uma tentativa de justificar o ato”, frisou Helena.

Foto: Kristiano Simas / Agência Assembleia

sem comentário »

Técnico do Moto diz que torcedor precisa acreditar

0comentário

O técnico do Moto, Leandro Campos disse em entrevista ao repórter Afonso Diniz, no Bom Dia Mirante que apesar do Fluminense está à frente do Moto é preciso que o torcedor acredite na possibilidade de classificação para a segunda fase. Clique aqui e veja a entrevista na íntegra.

Com apenas dois jogos na temporada, o Moto lidera o Campeonato Maranhense, enquanto O Fluminense já realizou cinco partidas pela Taça Guanabara, além da estreia na Sulamericana, mesmo assim, Leandro acredita que é possível equilibrar o confronto.

“Hoje o Fluminense está mais a frente do Moto, em relação a preparação física. Isso porque hoje, eles estão com uma rodagem maior de jogos do que a gente. De qualquer forma, temos que nos preparar, nos organizar. [..] temos que acreditar nessa possibilidade (passar de fase), até poque o clube precisa desse incremento financeiro. […} Questão técnica, não podemos fazer comparativo. A equipe do Fluminense é superior, temos que admitir isso. Temos que nos basear em cima da estratégia tática, para que possamos igualar no confronto”, disse.

Moto e Fluminense se enfrentam no dia 26 de fevereiro, quarta-feira de cinzas, às 21h30, no Estádio castelão. Será uma única partida e o Fluminense tem a vantagem do empate de acordo com o regulamento da competição. O Moto terá que vencer para avançar à segunda fase.

Foto: Reprodução

sem comentário »

Câmara aprova projeto que beneficia autônomos

0comentário

O presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Osmar Filho (PDT) ainda comemora a aprovação do projeto de Lei Nº 306/19, proposto pela Prefeitura de São Luís, que autoriza a concessão e subsídio público para a construção, operação e manutenção do Centro de Comércio Popular de São Luís

A iniciativa era muito aguardada pelos trabalhadores autônomos da região do Centro da capital maranhense.

Segundo Osmar Filho, com o espaço, será proporcionado incentivos que vão resultar diretamente em geração de emprego e renda em São Luís.

Após a aprovação do projeto, o presidente do Legislativo Municipal parabenizou o prefeito Edivaldo Holanda Jr e os vereadores por atender os anseios da população.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Edivaldo entrega este mês obras na área da saúde

0comentário

Unidades de saúde completamente reformadas serão entregues pelo prefeito Edivaldo Holanda Junior nos meses de fevereiro e março. Com a requalificação dos espaços, a gestão municipal segue com os investimentos realizados na área da saúde com o objetivo de ampliar a oferta e a qualidade dos serviços públicos oferecidos pela rede municipal.

Entre as unidades a serem entregues, estão os centros de saúde de áreas como Vila Sarney, Quebra Pote, São Francisco, Cidade Olímpica, Bacanga e Santa Clara. Recentemente o prefeito entregou, totalmente reformado, o Centro de Saúde Genésio Ramos Filho, na Cohab-Anil. As reformas nas unidades de saúde fazem parte das ações do programa São Luís em Obras e ampliam o trabalho já realizado ela Prefeitura para melhoria do atendimento à população.

“Desde o início da gestão, tratamos a saúde como prioridade e buscamos a reestruturação de diversos serviços considerados essenciais para a população, especialmente àqueles que necessitam do Sistema Público de Saúde. As transformações são perceptíveis quando observamos a ampliação dos serviços, a humanização do atendimento e a melhoria da estrutura das unidades de saúde. A agenda de entregas que a gestão municipal tem a cumprir é reflexo do compromisso que firmamos com a população e resultado da macropolítica de reestruturação da rede de saúde que implantamos”, ressalta o prefeito Edivaldo.

Entre os avanços na área ao longo da gestão estão a reativação do Hospital da Mulher, hoje referência no estado, além da reestruturação do atendimento no Hospital Municipal Djalma Marques (Socorrão I) e Dr. Odorico Amaral de Matos (unidade infantil), com a gradativa melhoria fluxo.A reestruturação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192) com renovação e ampliação da frota também faz parte da nova cara do sistema de saúde municipal. Todas as ambulâncias com mais de dois anos de uso estão sendo substituídas assim como as motocicletas usadas no atendimento, algumas com 10 anos de uso.

Por meio de investimentos em equipamentos e qualificação de pessoal da Central de Marcação de Consultas e Exames (Cemarc), que resultou no fim das filas para a marcação de consultas e exames com a descentralização do serviço para 24 unidades da rede, houve aumento no número de marcação de consultas. 

Foto: A. Baeta

Leia mais

sem comentário »

César Pires contesta governo sobre piso de professores

0comentário

Um pedido de vistas do deputado César Pires adiou para esta quinta-feira (6), na Assembleia Legislativa do Maranhão, a votação do projeto de lei 002/2020 de autoria do governo Flávio Dino que dispõe sobre o vencimento-base dos professores da rede estadual de ensino. Para o parlamentar, o governo desrespeita a categoria ao não conceder um reajuste linear e ao afirmar que paga o maior piso salarial do Brasil.

“O governo tem uma prática diferente do discurso. Quer aprovar reajuste salarial não linear, sem nenhuma discussão com a categoria e nem mesmo com os parlamentares, apenas informando a um sindicato que é controlado pelo governo e não defende os interesses dos professores. Por isso pedi vistas para dar tempo de repensarmos essa proposta”, justificou César Pires.

O deputado ressaltou que, ao contrário do que diz a propaganda do governo, o Maranhão não paga o maior piso salarial nacional aos professores. Já que a grande maioria desses profissionais – os que têm carga horária de 20 horas – recebem do Estado um vencimento-base de R$ 1.443,12, acrescido de uma gratificação de R$ 1.284,38.

“O governo mente quando divulga o teto salarial como se fosse piso. O governo federal acabou de aumentar em 12,84% os recursos do Fundeb repassados aos Estados, e era esse o percentual que deveria ser concedido de forma linear a todos os educadores”, defendeu ele.

Como a proposta tramita em regime de urgência, o projeto de lei será votado nesta quinta-feira (6) no plenário da Assembleia Legislativa.

Foto: Agência Assembleia

sem comentário »

Witzel debate proposta de recuperação fiscal no PTB

0comentário

A bancada do PTB na Câmara dos Deputados recebeu, nesta quarta-feira (5), o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, que veio falar sobre uma proposta de recuperação fiscal dos estados a ser apresentada em breve pelos governadores.

O texto será uma contraposição ao chamado Plano Mansueto, um programa de socorro aos estados e municípios mais endividados, apresentado à Câmara dos Deputados pelo secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida. O Projeto de Lei Complementar (PLP) 149/19 cria o Plano de Promoção do Equilíbrio Fiscal (PEF).

O líder do PTB, deputado Pedro Lucas Fernandes (MA), elogiou a disposição de Wilson Witzel de conversar com os parlamentares sobre o tema.

“Quero parabenizar o governador do Rio por essa atitude de estar próximo do Congresso Nacional. As relações têm que ser próximas, até porque os estados precisam muito deste Parlamento. A proposta que será apresentada pelos governadores é válida e o debate é salutar. A gente precisa sempre ressaltar que é nos estados, é nos municípios, principalmente, que tudo acontece. É preciso descentralizar os recursos para ajudar os cidadãos”, declarou o líder.

Empréstimos

O Plano Mansueto prevê a liberação de empréstimos com aval da União para resolver os problemas financeiros imediatos, condicionados à adoção de medidas de ajuste fiscal que permitam a recuperação da capacidade de pagamento dos entes federativos até 2022.

Wilson Witzel é um crítico desse texto. Ele defende que o governo federal reduza os juros cobrados dos estados e municípios e alongue as dívidas a serem pagas por esses entes federativos, que, de acordo com o governador, precisam de apoio financeiro para poder prestar os serviços à população e fazer investimentos.

Foto: Jotaric

sem comentário »