O SENADOR E A PREFEITURA

0comentário

Antigamente se dizia que cabeça de juiz e barriga de mulher grávida só se sabe o que tem dentro quando se abre.

Cabeça de político também se enquadra nesse axioma.

Veja-se, por exemplo, o senador Roberto Rocha. No ano passado se elegeu, com dificuldade, para o Senado, mas já pensa ser candidato a prefeito de São Luis, nas eleições de 2016.

Que cabeça é essa que troca um mandato de nove anos, numa das mais desejadas Casa do Parlamento brasileiro, por um cargo de prefeito de São Luis, cidade reconhecidamente cercada de problemas por todos os lados?

CONFUSÃO DE NOMES

Muita gente ainda não se deu conta do nome correto do atual secretário de Articulação Política e Assuntos Federativos.

Só os que os conhecem mais de perto e/ou são seus correligionários políticos, não confundem Márcio Jerry com um quase homônimo.

O quase homônimo é o famoso cantor da Jovem Guarda, Jerry Adriane.

HISTÓRICO E GEOGRÁFICO

O escritor Jomar Moraes encontrou-se recentemente com o governador Flávio Dino.

Em meio à conversa, o governador perguntou ao escritor sobre o Dicionário Histórico-Geográfico da Província do Maranhão, do renomado professor César Marques.

Jomar respondeu que o Dicionário, por ele editado recentemente, está esgotado.

Flávio, que sabe da importância da obra, assegurou a Jomar que o seu governo irá reeditá-la.

DEPUTADO SURPREENDE

O deputado federal Aluísio Mendes continua surpreender o mundo político maranhense.

Primeiro, quando assumiu a liderança de um grupo formado por quarenta parlamentares, na Câmara Federal.

Agora, indica um técnico de sua confiança para o cargo de superintendente da Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco e do Parnaíba, que a presidente Dilma nomeou e sem pestanejar.

Vem aí outra ação de Aluísio e que vai dar o que falar.

MÚSICAS E NOVELAS

Dois cantores maranhenses a TV Globo selecionou para participar da trilha sonora de duas novelas que ora estão no ar: I Love Paraisópolis e A regra do jogo.

Mano Borges, com a bela canção de sua autoria, Você é tudo, gravada pela banda Jamil e Uma Noite, aparece no final da novela I Love Paraisópolis; Alcione, com a composição Juízo Final, está na abertura da novela A regra do jogo.

Mas não é a primeira que isso acontece, com relação aos artistas maranhenses. Nonato Buzar, Zeca Baleiro e Antônio Vieira, também, já emprestaram músicas às trilhas sonoras de novelas da TV Globo.

GASPAR NAS ORIGENS

O empresário Carlos Gaspar volta a praticar um ato que interrompeu por motivos estritamente particulares.

Ele, nos bons tempos, pelo menos uma vez ao ano, viajava para Portugal para rever parentes e as suas origens.

Para matar as saudades, desde ontem Gaspar está em Lisboa, onde fica até o final do mês.

DEBANDADA GERAL

Custou um pouco, mas a velha prática reinante na política maranhense está de volta e com toda força.

A migração dos políticos para o partido que se encontra no poder, ou seja,  aquele em que o governador está filiado.

Nos últimos dias, a corrida com destino ao PC do B tem sido acelerada. Na contra mão disso, o PMDB, que vem perdendo filiados aos montes.

A recente migração do prefeito de Viana, Chico Gomes, um sarneísta de carteirinha, do DEM para o para PDT, deixou os meios políticos em estado de perplexidade.

PREFEITA E ATRIZ

Os que gostam de ver a novela A regra do jogo, que começou agora, observaram um fato ficcional que tem tudo a ver com a realidade maranhense.

A atriz Giovanna Antonelli, que vive o papel de Atena, é uma golpista que adora viver na opulência, mas por conta de recursos ilegais.

Qualquer semelhança de Atena com a prefeita Lidiane Leite, do município de Bom Jardim, é mera coincidência.

LANÇAMENTO E POMPA

Na história de lançamento de livros, ainda não houve nenhum que se comparasse ao do livro de Lourdinha Lauande – História da  Medicina em  São Luis.

Ela foi recebida no Conselho Regional de Medicina com discursos, hinos, pompas, honras e coquetel.

Lourdinha repetiu o feito de 2004, quando lançou o livro São Luis Corpo e Alma, em comemoração aos 400 anos da cidade. O evento de segunda-feira foi tão concorrido e prestigiado quanto ao primeiro.

Em tempo: o novo livro da historiadora, a partir desta semana, pode ser encontrado na Academia Maranhense de Letras, a quem a autora deu a primazia de vendê-lo.

EMPREENDEDORISMO E CULTURA

A convite do presidente da Academia Maranhense de Letras, Benedito Buzar, o superintendente do Sebrae-Ma, João Martins, participou da reunião da instituição, na quinta-feira passada.

O encontro foi o mais proveitoso possível, pois as duas instituições iniciaram um processo de produtiva parceria e inédita no país.

O Sebrae-Ma e a AML firmaram um acordo de trabalho,em que o empreendedorismo e a cultura vão caminhar juntos.

PRIMO DO SENADOR

O senador João Alberto emplacou um primo, aliás, um técnico competente, num órgão importante da administração pública federal.

Trata-se de Marco Fernando Jacinto para vice-diretor da Caixa Econômica Federal.

Ele, final do governo de Roseana Sarney, ocupou o cargo de secretário de Gestão e Previdência, no qual realizou bom trabalho.

GESTORES DA CEMAR

A Cemar é atualmente uma empresa tão bem administrada que exporta gestores para outros estados.

Recentemente a Equatorial, dona da Cemar, comprou a Celpa do Pará.

Para dar qualidade e eficiência à nova empresa paraense, 27 técnicos da Cemar foram recrutados para ali ocupar cargos de gestores.

DESFILE EM ITAPECURU

O desfile de sete de setembro, em Itapecuru-Mirim, pode ser cancelado pelo prefeito Magno Amorim.

Motivo: está previsto uma manifestação de protesto da população contra a administração do atual gestor municipal.

A manifestação ocorrerá em seguida ao desfile estudantil.

 

Sem comentário para "O SENADOR E A PREFEITURA"


deixe seu comentário