Definidos os grupos da Copa do Nordeste 2019

0comentário

A Liga Nordeste realizou, nesta quinta-feira (4), o sorteio dos grupos da Copa do Nordeste 2019.

A competição terá na primeira fase, dois grupos com 8 equipes. As equipes do grupo A enfrentarão as equipes do grupo B.

Pela fórmula de disputa está garantida a realização do clássico entre Sampaio e Moto.

De acordo com o sorteio, os grupos ficara assim:

Grupo A: Santa Cruz, Vitória, CRB, Sampaio Corrêa, Fortaleza, Salgueiro, Sergipe e Altos.

Grupo B: Bahia, Ceará, Náutico, ABC, CSA, Moto Club, Confiança e Botafogo-PB.

A quartas de final e a semifinal serão em jogo único. Mando de campo para quem tiver a melhor campanha. A final será em duas partidas.

Foto: Reprodução

sem comentário »

Roseana reafirma compromissos com Açailândia

0comentário

Em sua passagem pelo município de Açailândia, região tocantina, na tarde dessa quinta-feira (4), a candidata a governadora Roseana Sarney (MDB) foi bastante festejada pela população local. Desde a sua chegada e por onde passou em cortejo com o “Arrastão da Virada”, ela recebeu o carinho da comunidade e várias manifestações de apoio a sua candidatura, reconhecimento do povo pelo trabalho feito com uma série de benefícios para o município.

“Roseana foi a governadora que mais fez por Açailândia. Ela trabalhou pelo desenvolvimento do município, ações que melhoraram a qualidade de vida da população, com investimentos na infraestrutura, educação, saúde, indústria e comércio. A gente nunca esqueceu dela e queremos ela de volta no governo”, disse o comerciante Fernando Nunes, residente no bairro do Jacú.

Em Açailândia, Roseana participou de uma grande carreata que percorreu as principais ruas e avenidas dequatro bairros da cidade (Centro, Jacú, Vila Capelosa e Vila Ildemar). Ela estava acompanhada do candidato a vice-governador, Ribinha Cunha; do candidato à reeleição, senador Edison Lobão; dos candidatos a deputados Léo Cunha (estadual) e Nelson Bragatto (federal), além de várias lideranças locais, entre elas, o ex-prefeito de Açailândia, Deusdeste Sampaio e dos vereadores Adriano da Saúde, Joílson do Novo Bacabal, Zelito e Caibim.

“É sempre uma alegria renovada retornar a Açailândia e rever toda essa gente querida, sempre tive um carinho especial pela cidade. Aqui realizamos uma série de ações, entre obras e outras melhorias, apoiamos fortemente o município e trouxemos investimentos que ajudaram a cidade a desenvolver, disse Roseana.

Após seguir Roseana, Ribinha, Lobão e Sarney Filho, os populares de Açailândia que seguiram a carreata pararam para ouvir as propostas da candidata. Ao falar para as centenas de pessoas em ato realizado na Vila Capelosa, um dos bairros mais populosos do município, Roseana reafirmou o compromisso para retomada dos programas sociais Viva Luz, Viva  Luz, o programa do leite, o Viva Meu Primeiro Emprego e anunciou a criação do Viva Gás.

“Essas são ações que contemplam as pessoas e governar é ter uma atenção especial a quem mais precisa. Precisamos dar oportunidade aos jovens, por exemplo, de se inserirem no mercado de trabalho. Vamos retomar todas essas iniciativas e beneficiar nossa comunidade, assinalou a candidata.
Roseana também reiterou o compromisso para retomada do plano de ação na atração de novos empreendimentos comerciais e industriais para Açailândia e outras cidades da Região Tocantina, o que vai possibilitar a geração de novos postos de trabalho e renda.

“No meu governo tivemos uma atuação marcante na área da indústria e comércio e aqui mesmo em Açailândia, graças a nossos esforços, conseguimos a instalação da Aciaria. Muitos empregos foram criados e cidade viveu um momento de crescimento. Hoje estamos vendo um cenário de muita dificuldade e vamos trabalhar para reverter esse quadro e estimular a chegada de novas empresas”, assinalou.

O candidato a vice-governador, Ribinha Cunha, que representa a região Sul do Maranhão, observou com entusiasmo as manifestações de apoio da população de Açailândia em apoio a campanha de Roseana e reforçou os compromissos para melhorias  do município.

“A gente fica muito feliz por todo esse carinho e pelas várias declarações de apoio a nossa candidatura. Açailândia é uma cidade estratégica e muito importante para nosso estado. Ao lado de Roseana, vamos desenvolver um trabalho firme que permita a cidade a retomar seu crescimento. Vamos oportunizar a vinda de novas empresas e com isso gerar emprego, renda e diminuir as dificuldades atuais que a cidade atravessa”, finalizou Ribinha.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Ibope: Flávio Dino, 56%; Roseana Sarney, 30%

1comentário

Pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira (4) aponta os percentuais de intenção de voto para o governo do Maranhão. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Votos totais

Veja os números da pesquisa estimulada, considerando todas as intenções de voto, inclusive as respostas dos eleitores que se declaram indecisos ou que votariam em branco ou nulo:

Flávio Dino (PCdoB): 56%
Roseana Sarney (MDB): 30%
Maura Jorge (PSL): 4%
Roberto Rocha (PSDB): 2%
Ramon Zapata (PSTU): 1%
Odívio Neto (PSOL): 1%
Não sabe: 2%

Em relação ao levantamento anterior, divulgado no dia 19 de setembro:

Flávio Dino (PCdoB) foi de 49% para 56%
Roseana Sarney (MDB) foi de 32% para 30%
Maura Jorge (PSL) passou de 5% para 4%
Roberto Rocha (PSDB) se manteve com 2%
Ramon Zapata (PSTU) passou de 0% para 1%
Odívio Neto (PSOL) passou de 0% para 1%
Brancos/nulos foi de 7% para 4%
Não sabe foi de 5% para 2%

Veja, abaixo, o resultado da pesquisa Ibope considerando apenas os votos válidos. Para calcular esses votos são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição. Para vencer no primeiro turno, um candidato precisa de 50% dos votos válidos mais um voto. Veja os índices:

Flávio Dino (PCdoB): 59%
Roseana Sarney (MDB): 32%
Maura Jorge (PSL): 5%
Roberto Rocha (PSDB): 2%
Ramon Zapata (PSTU): 1%
Odívio Neto (PSOL): 1%

A pesquisa foi encomendada pela TV Mirante. É o terceiro levantamento do Ibope realizado depois da oficialização das candidaturas na Justiça Eleitoral.

No levantamento anterior, feito entre 16 e 19 de setembro, os percentuais de intenção de votos eram os seguintes: Flávio Dino (PCdoB): 49%; Roseana Sarney (MDB): 32%; Maura Jorge (PSL): 5%; Roberto Rocha (PSDB): 2%; Ramon Zapata (PSTU): 0%; Odívio Neto (PSOL): 0%; Brancos/nulos: 7%; Não sabe: 5%.

Sobre a pesquisa

Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos
Quem foi ouvido: 1.008 eleitores
Quando a pesquisa foi feita: 2 a 4 de outubro
Registro no TRE: MA-07570/2018
Registro no TSE: BR-03151/2018
Contratante da pesquisa: TV Mirante
O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro
0% significa que o candidato não atingiu 1%. Traço significa que o candidato não foi citado por nenhum entrevistado

Leia no G1

1 comentário »

Senado: Weverton, 35%; Eliziane, 34%

1comentário

Pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira (4) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para o Senado no Maranhão:

Weverton Rocha (PDT): 35%
Eliziane Gama (PPS): 34%
Sarney Filho (PV): 25%
Edison Lobão (MDB): 23%
Zé Reinaldo (PSDB): 10%
Alexandre Almeida (PSDB): 5%
Saulo Pinto (PSOL): 4%
Samuel de Itapecuru (PSL): 3%
Preta Lú (PSTU): 2%
Saulo Arcangeli (PSTU): 2%
Iêgo Bruno (PCB): 1%
Branco/Nulo – Vaga 1: 12%
Branco/Nulo – Vaga 2: 20%
Não sabem: 24%

Sobre a pesquisa

Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos
Quem foi ouvido: 1.008 eleitores
Quando a pesquisa foi feita: 2 a 4 de outubro
Registro no TRE: MA-07570/2018
Registro no TSE: BR-03151/2018
Contratante da pesquisa: TV Mirante
O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro
0% significa que o candidato não atingiu 1%. Traço significa que o candidato não foi citado por nenhum entrevistado

Leia no G1

1 comentário »

Prefeito pode ter respondido pergunta de Roberto

3comentários

Lembram da pergunta feita pelo candidato ao Governo do Maranhão pelo PSDB, o senador Roberto Rocha, ao candidato do PCdoB, o governador Flávio Dino, sobre a “apreensão de veículos”, durante o debate da TV Mirante ??? Pois bem, ela parece ter sido respondida pelo prefeito de Anajatuba, Sidney Pereira, coincidentemente do PCdoB, mesmo partido de Flávio Dino. (ouça aqui a conversa).

Durante o debate, Roberto Rocha perguntou três vezes ao governador: “Se o governo parou de tomar e leiloar motos e carros dos maranhenses por conta da eleição ou por conta de remorso?”, mas o comunista, de maneira covarde, silenciou.

Só que nesta semana, vazou um áudio de um prefeito do PCdoB, que pode ter respondido tal questionamento. O prefeito Sidney Pereira, de Anajatuba, foi flagrado tentando intimidar um policial militar, o sargento Roberto, pelo fato do PM ter realizado uma blitz na cidade.

Durante a gravação, o prefeito diz claramente ao sargento que o problema da realização da blitz na cidade é por conta da proximidade com o período eleitoral.

“Não me faça mais um negócio desses numa época dessa. Nós estamos a uma semana de uma eleição”, reclamou o prefeito.

O sargento Roberto reagiu duramente e afirmou que não aceitaria ser intimidado, deixando claro ainda que faria a apreensão de veículos em qualquer período, independente da eleição.

Pelo visto, como tem dito a Oposição ao Governo Flávio Dino, a suspensão da apreensão e leilões de carros e motos só foi suspensa por conta do período eleitoral, ao menos é o que deseja o prefeito do PCdoB, Sidney Pereira.

Blog do Jorge Aragão

3 comentários »

TSE indefere pedido de Weverton contra ‘O Estado’

0comentário

O Tribunal Superior Eleitoral, por meio de decisão do ministro da Corte, Luís Roberto Barroso, negou pedido de resposta requerido pelo candidato à senador pelo Maranhão, Weverton Rocha (PDT) acerca do processo atestado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) que apresenta ações penais às quais o pedetista é réu. Weverton é acusado de peculato e dispensa ilegal de licitação durante a reforma do Ginásio Costa Rodrigues. À época, o candidato ao Senado era secretário de Esportes e Lazer do Governo do Maranhão.

Com a decisão, Weverton – que ainda requeria novo pedido de divulgação de direito de resposta ao jornal O Estado do Maranhão – não terá o benefício. Em decisão cautelar (ou seja, sem caráter definitivo), Barroso alegou que “não vislumbrava divulgação de informação sabidamente inverídica” em reportagem publicada pelo periódico em seu site oficial no dia 7 de setembro deste ano.

Na ocasião, a publicação – intitulada “Certidão do Supremo desmente discurso de Weverton Rocha: Deputado federal afirmou que não é réu em ação penal no caso do Ginásio Costa Rodrigues” contradisse declaração do candidato que – em entrevista concedida ao programa Ponto Final da Rádio Mirante AM no dia 4 do mês passado – afirmou que não respondia a nenhum processo.

Segundo Rocha, durante a entrevista, “todos os relatórios” até então elaborados e que o ligavam a irregularidades relacionadas à obra do Ginásio teriam sido anulados. Ocorre que documento do STF comprovou exatamente o contrário, conforme citam vários documentos aos quais O Estado teve acesso. Aparecem, no registro de Weverton, as ações penais números 675, 678, 683 e 700, além dos inquéritos números 3.621 e 4.655 e os Mandados de Segurança números 33.697, 34.115, 34.127 e 3.394. Há ainda o registro de petição número 7.709.

Sem inverdades

Ainda de acordo com o despacho, Barroso afirmou ainda que, neste caso, a jurisprudência do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) é “no sentido de que, para ser qualificada como sabidamente inverídica, a mensagem deve conter – conforme representação anterior – “ inverdade flagrante que não apresente controvérsias”. Para Barroso, é necessário garantir a liberdade de expressão e de pensamento, razão pela qual, segundo ele, “se recomenda a intervenção mínima do Judiciário nas manifestações e críticas próprias do embate eleitoral”.

“Não vislumbro, da leitura do trecho impugnado, divulgação de informação sabidamente inverídica, na forma como compreendida pela jurisprudência do TSE. Verifico que o ora requerente limitou-se a transcrever os termos da Certidão de Distribuição expedida, em 30 de agosto de 2018, pela Secretária Judiciária do Supremo Tribunal Federal” – Luís Roberto Barroso, ministro do TSE.

Foto: Biaman Prado

O Estado

sem comentário »

Roseana diz que vai tirar Maranhão do vermelho

0comentário


A candidata ao Governo do Maranhão, Roseana Sarney, participou de um mega comício, no município de Pinheiro, organizado pelas lideranças políticas, os candidatos ao Senado, Sarney Filho e Edison Lobão; o deputado federal candidato à reeleição, Victor Mendes, e o ex-prefeito Filuca Mendes.

Em seu discurso para uma multidão de pinheirenses, Roseana destacou que no seu governo o Maranhão cresceu mais de 4% ao ano, com a realização de grandes obras que geraram 120 mil empregos diretos, atraiu R$ 100 bilhões de investimentos e qualificou 400 mil trabalhadores.

 “Este governo que aí está acabou com o Primeiro Emprego e com os programas sociais, além de perseguir o povo. Eleita vou retomar todos esses projetos. Vamos a vitória no dia 07 para o Maranhão voltar a crescer”, afirmou Roseana.

Em comício que lotou a praça São Benedito, o ex-prefeito Filuca Mendes ressaltou a parceria que sempre teve com Roseana que muitos benefícios trouxeram para Pinheiro.

“Roseana é a melhor para o nosso estado e sempre se preocupou com Pinheiro”, disse Filuca. “Juntos com os senadores Sarney Filho e Lobão poderemos ajudá-la a levar o estado ao desenvolvimento e crescimento econômico”, completou Victor Mendes.

Roseana finalizou a agenda na Baixada Maranhense no final da noite desta quarta-feira (3), no município de São Bento. Lá, ela voltou a lamentar a falta de preocupação do atual governo com os mais humildes. “O governo Flávio Dino prioriza a propaganda, pois já gastou cerca de R$ 250 milhões em publicidade. Dinheiro que é do povo e poderia ser usado para pagar o Viva-luz e os outros programas sociais”, afirmou Roseana.

O candidato a deputado estadual e liderança de São Bento, Isaac Dias Filho, fez um belo discurso defendendo o retorno de Roseana ao comando do Executivo estadual. “Não podemos esperar por mais quatro anos desse governo comunista. Precisamos da guerreira no comando para colocar o Maranhão nos trilhos de novo”, concluiu Isaac.

Foto; Divulgação

sem comentário »

Flávio Dino distorce dados sobre gastos de comida

1comentário

Além de ter inventado dados sobre a realização de um concurso público para a área da Saúde durante o debate da TV Mirante, realizado na última terça-feira, o governador Flávio Dino (PCdoB), candidato da coligação “Todos pelo Maranhão”, faltou com a verdade em relação à licitação de mais de R$ 40 milhões para a aquisição de comida para o Palácio dos Leões.

Durante o debate a ex-governadora Roseana Sarney (MDB), da coligação “Maranhão quer Mais” confrontou o comunista com a informação de que a Comissão Central de Licitação (CCL) abriu concorrência pública milionária para gastos com alimentação.

Visivelmente constrangido, Flávio Dino mentiu, ao afirmar que não havia licitação para o objeto especificado pela adversária. Ele afirmou que tratava-se apenas de uma ata de registro de preço, com validade de 5 anos e que poderia, ou não, se tornar gasto efetivo.

Ocorre que documentos oficiais do Governo do Estado atestam que há sim, edital de licitação com previsão de gastos de exatos R$ 46.666,25 milhões para a compra de comida.

A informação consta no caderno Terceiros, do Diário Oficial do Estado do dia 10 de julho e diz respeito ao processo nº 0047924/2018 – CCL.

No documento há a descrição de abertura, por exemplo, de aquisição de até 1.819.018 produtos alimentícios distribuídos em 15 itens, até para lanches como refrigerantes, coquetéis, chás, achocolatados, sucos, sorvetes, doces, gelatinas, frutas da estação, tábuas de frios, patês, bolos, crepes, coquetel de frutas, tortas, café com leite, mini-pizzas, canapés, quiches, tarteletes, mousses e outras.

Alguns itens despertam curiosidade por conta do elevado valor que pode ser gasto. Para adquirir um total de 518.440 lanches descritos no item 5 do Anexo I-A, do edital, cada um a R$ 30,00, o Governo pode desembolsar R$ 15,5 milhões.

No item 04, outros 518.440 lanches devem custar mais R$ 9,5 milhões. São um milhão e trinta e sete mil lanches descritos.

Há também a descrição para refeições de 3 categorias, cujo algumas das guarnições tem custo estimado aos cofres públicos de até R$ R$ 63,75, por cabeça.

Flávio Dino, portanto, distorceu dados ao afirmar que não há licitação sobre o tema.

O Estado

1 comentário »

Ecos do debate

0comentário

Por qualquer aspecto que se analise, o governador Flávio Dino (PCdoB) perdeu o debate da TV Mirante. Perdeu por não ter tido respostas para as questões administrativas de seu governo, como obras construídas no governo Roseana Sarney (MDB) e usurpadas por ele; perdeu por trair seus aliados do PT, abrigando em seu governo – por troca de votos – parlamentares que votaram no impeachment de Dilma Rousseff (PT); e perdeu, sobretudo, pela postura “egocêntrica” – usando palavra de seu adversário Roberto Rocha – que o levou à tentativa de vender uma imagem de super gestor e a negar fatos comprovados, como a grosseria praticada com a ex-prefeita Maura Jorge em palanque, em Lago da Pedra.

Mas Dino perdeu o debate para si mesmo. Perdeu por se achar maior do que realmente é. Perdeu por desdenhar das regras, menosprezar os adversários e ignorar a capacidade de percepção do eleitor.

Da terça-feira, 2, até a conclusão desta nota – e mesmo antes de o debate terminar -, muitos memes já haviam inundado perfis de Internet e aplicativos de troca de mensagens, com aspectos do programa, notadamente charges eletrônicas e montagens cômicas da participação dos candidatos.

E como se sabe, quanto maior o número de memes, provocações e deboches a um candidato no universo de liberdade de expressão da internet, maior foi o seu fracasso nas discussões sérias. E Flávio Dino, neste aspecto, foi o campeão entre os participantes do programa da TV Mirante. Todo o seu fracasso ficou estampado em seu semblante, ao deixar a emissora acompanhado de familiares e aliados. O trato grosseiro com quem via pela frente disse tudo do seu desempenho.

Estado Maior

sem comentário »