Obras paralisadas

1comentário

AndreaMurad

Após as declarações do presidente do BNDES, Luciano Coutinho, e do próprio governo nos últimos dias, sobre as obras paralisadas no Maranhão, a deputada Andrea Murad encaminhou uma lista de obras executadas com recursos do BNDES e cobrou do governador Flávio Dino explicações sobre a suspensão das obras no Estado. Em discurso hoje na Assembleia Legislativa, a deputada disse que nem o próprio governo conhece a realidade do que foi investido no Maranhão com os recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Social.

“Ele e Márcio Jerry estão impressionados com o número de 500, então que provem que não são 500 obras. Tanto que é todo mundo dizendo que, no município tal, a estrada está paralisada; em outro, o CRAS e assim por diante. O governador recebeu obras licitadas, recebeu obras com recursos garantidos e por nenhum motivo essas obras poderiam estar paralisadas. Total de obras: 685. E o levantamento que recebemos é que existem mais de 500 obras paralisadas. Então, que o Governador  prove, inclusive vou ter que dar a relação porque parece que ele não sabe, vejam só, o governador não sabe nem as obras que estão paralisadas, que ele mesmo mandou paralisar. E explicar por que paralisou, por que suspendeu obras e por que não está concluindo o que recebeu”, discursou.

Nas redes sociais, o governador considerou a denúncia um “disparate” e ainda disse desconhecer a existência de mais de 500 obras paradas, mesmo com o presidente do BNDES, Luciano Coutinho, declarando que “o novo governo assumiu, fez um reavaliação, decidiu remanejar e replanejar”. A deputada demonstrou preocupação quanto ao grande número de obras suspensas, prejudicando o desenvolvimento do Estado.

“Eu quero saber se a adutora, que vai aliviar o sofrimento dos moradores de Miranda do Norte e Matões do Norte, se ele vai deixar paralisada a obra, porque o grande problema de Miranda do Norte é água. Esses hospitais ele já abandonou, várias escolas pelo Estado também, assim como vários CRAS, e ele acha que não tem obra paralisada. A verdade é que o seu ódio político está transformando o Maranhão em um cemitério de obras sem justificativa nenhuma”, disse ainda a deputada de oposição.

A distribuição das 685 obras que estão paralisadas é a seguinte: Caema (37), Funac (8), SES (45), SEDES (159), SSP (43), SEJAP (9), SINFRA (270), SEDUC (110) e SEDINC (4).

Foto: Nestor Bezerra

1 comentário »

Caos no Socorrão

0comentário

WellingtondoCurso

Durante sua ida a Imperatriz, após cumprir vários compromissos políticos, o deputado Wellington do Curso (PPS)  fez uma visita surpresa, na tarde da última sexta-feira (28), ao Hospital Munipal de Imperatriz (Socorrão), onde ficou estarrecido com a situação encontrada.

De acordo com o parlamentar, o Hospital encontra-se em estado de precariedade e desumanidade e, ao falar com pacientes, pôde comprovar as principais problemáticas daqueles que precisam do sistema municipal de saúde.

“Ao conhecer  de perto o hospital municipal de Imperatriz, pude comprovar quanto a nossa saúde ainda encontra-se na ‘UTI’. Ao passar por cada parte vemos o caos: super lotação, pessoas atendidas nos corredores (macas nos corredores), pacientes tomando soro nos corredores e segurando as bolsas de soro na mão, baratas por todos os lados, dentre tantas outras mazelas que ferem a dignidade humana. O hospital de Imperatriz está jogado às baratas! Enquanto representante do povo maranhense e vice-presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa, não me calarei diante de atos desumanos como este”, relatou.

Ao discorrer sobre as problemáticas do Socorrão de Imperatriz, durante seu pronunciamento na sessão desta segunda-feira, Wellington destacou o artigo 196 da Constituição Federal de 1988 que defende a saúde como direito de todos e dever do Estado, garantido mediante políticas sociais e econômicas que visem à redução de risco de doenças.

Na ocasião, o parlamentar encaminhou requerimentos ao Centro de Apoio Operacional de Defesa da Saúde (CAOp) e Ministério Público, solicitando a fiscalização no Hospital Municipal de Imperatriz; e à secretária municipal de saúde, Conceição Madeira, solicitando esclarecimentos sobre a prestação de serviços de saúde no município, a superlotação, atendimento desumano nos corredores do Hospital, dentre outras mazelas que prevalecem no local.

sem comentário »

Reforma de ginásio

0comentário

GlalbertCutrim

O deputado Glalbert Cutrim (PRB) solicitou ao Governo do Estado, através da Secretaria de Esporte e Lazer, a reforma do ginásio poliesportivo Roseana Sarney, localizado no município de Cantanhede.

Uma das mais antigas e tradicionais praças esportivas da cidade, o ginásio, devido a ação do tempo, encontra-se com sua estrutura física bastante deteriorada, o que prejudica a prática de qualquer modalidade esportiva, colocando em risco também a segurança dos usuários.

A reforma do ginásio foi uma reivindicação feita ao deputado pela classe política e moradores do município.

“Com a reforma, além da retomada das atividades esportivas, será possível promover novas competições, inclusive contando com o apoio do próprio governo estadual. Tenho certeza que o governador Flávio Dino e o secretário Márcio Jardim irão atender esse nosso pedido, que é uma reivindicação dos moradores de Cantanhede”, afirmou o parlamentar.

sem comentário »

Autonomia do Procon

6comentários

FlavioDino

O Procon passou a ter mais autonomia para trabalhar em defesa dos consumidores maranhenses. O órgão deixou de ser gerência e se tornou uma autarquia. A mudança foi homologada pelo governador Flávio Dino, no Palácio dos Leões, nesta segunda-feira (31). Na ocasião foram comemorados os avanços alcançados em defesa dos interesses do consumidor maranhenses nestes primeiros oito meses de governo Flávio Dino.

Para o governador, a expansão do Procon representa maior proteção para o consumidor. “Esta é uma causa comum, importante para todos e essencial para os mais pobres. Estamos trabalhando para que o sistema de direitos do cidadão seja garantido e fico muito feliz por propiciar mais esta mudança”, afirmou o governador.

A sanção da lei que transforma o Procon em autarquia integra um conjunto de medidas do Governo do Estado para assegurar os direitos dos consumidores no Maranhão. Uma das metas é garantir que os serviços de proteção ao consumidor cheguema todas as regiões do estado. Nesse sentido, o Procon inaugurou oito novas unidades em municípios do interior do estado. Antes o órgão possuía apenas cinco unidades fora da capital. A meta é chegar a 21 unidades até o fim deste ano.

Com maior autonomia administrativa e financeira, os procedimentos internos serão mais ágeis e a atuação mais intensa nos 217 municípios do Maranhão, a partir da ampliação do número de postos de atendimento. O diretor do Procon, Duarte Júnior, ressaltou o papel do cidadão como o maior e melhor fiscal das relações de consumo. “Dar mais poderes ao Procon é dar mais poderes ao consumidorcujosdireitos precisam ser efetivados”, afirmou.

Foto: Karlos Gerômy

6 comentários »

Menino da internet

2comentários

MarcioJerry

O secretário de Assuntos Políticos e Federativos, o polêmico Márcio Jerry das redes sociais deu uma demonstração que verdadeiramente não está nada preparado para exercer um cargo público.

Em sua conta no twitter, Márcio Jerry considerou “desonestidade” do radialista Jorge Aragão, da Rádio Mirante AM que trocou o cargo que o comunista ocupa no governo. Uma coisa simples e que pode acontecer com qualquer jornalista, mas que para Márcio Jerry se trata de “desonestidade”. O que fez de tão grave o Jorge Aragão para ser chamado de desonesto?

Nada melhor que uma resposta em alto nivel do Jorge Aragão que publicou um post do twitter do PCdoB, partido presidido por Márcio Jerry que também atribui a ele o cargo de secretário de Estado de Articulação Política repetindo exatamente o erro que cometeu Jorge Aragão 30 dias antes.

E agora não foi também “desonestidade” do PCdoB Márcio Jerry???

Fica essa pequena lição para que o secretário “polêmico e exagerado” possa deixar de agir como um “menino irresponsável” da internet.

2 comentários »

Cidade pequena?

6comentários

RobertoRocha

Após anunciar a sua pré-candidatura a prefeito de São Luís pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB), o senador e vice-prefeito de São Luís eleito, Roberto Rocha disse em seu perfil no Facebook que São Luís vem sendo administrada ao logo dos anos como cidade pequena e criticou a falta de ousadia na gestão pública.

“O PSB tem um enorme desafio em 2016, nas eleições municipais, especialmente das capitais, que é mostrar sua vontade de crescer com a força de seu ideal. São Luis não é apenas a maior cidade do Maranhão. Ao longo dos anos ela vem sendo administrada como uma cidade pequena, com a mesma lógica com que são governados os menores municípios. Isso tem que mudar”, disse.

E ao longo dos anos São Luís que atualmente é administrada por Edivaldo Holanda Júnior (agora no PDT) foi comandada por João Castelo (PSDB), Tadeu Palácio (PDT), Jackson Lago (PDT), Conceição Andrade (PSB)….

A declaração caiu como uma bomba em meio a auxiliares do prefeito Edivaldo Holanda Júnior. Mas não foi apenas isto que escreveu o vice-prefeito. Ele foi muito além em suas críticas.

“São Luis é o centro irradiador de conhecimento. Aqui estão as maiores universidades, os centros de formação. Por que a Prefeitura, ao longo dos anos, tem se colocado como uma autarquia, fechada para a produção do conhecimento? É preciso interagir com o que existe de mais moderno. A UFMA, por exemplo, tem um excelente curso de políticas públicas que deveria estar associado, até institucionalmente, à Prefeitura para a formação de quadros. É necessário desarmar a interdição ideológica que afasta o setor público do empreendimento privado. Uma nova visão empreendedora precisa ser aclimatada na gestão pública, permitindo parcerias produtivas. A gestão moderna exige um realinhamento das instituições para acompanhar a revolução do conhecimento, a inclusão das práticas no mundo das redes. Não apenas para a comunicação horizontal com a população, mas para a própria gestão se tornar mais democrática, descentralizada”.

“Nossa educação pública é do século 19. É necessário mudar esse paradigma, preparando a juventude para viver no século 21. Como todo aglomerado urbano de quase dois milhões de habitantes, São Luís deve ter como principal desafio a mobilidade urbana, que depende de muitas obras de infraestrutura, e que são muito caras. Sem isso não pode ter boa saúde, educação, segurança, turismo, enfim, as pessoas tem o seu direito de ir e vir prejudicado. São Luís tem a pior área verde per capita entre todas as capitais, apesar de ser uma ilha oceânica. Árvores, somente no quintal das pessoas. Por isso mesmo precisa ter como prioridade um projeto de arborização e implantação de Parques Ambientais. A Lagoa (Laguna) da Jansen tem que deixar de ser um problema e passar a ser um belo cartão postal, com um amplo projeto de revitalização ambiental daquele prestigiado espaço urbano. É necessário ousar, pois São Luis é o farol que deve iluminar todo o Maranhão com novas práticas. Conhecendo a cidade como conheço, andando rua a rua, sabendo de suas necessidades e potencialidades, é que anunciei ao meu partido a determinação, que vai além da disposição, de ser pré-candidato a prefeito da cidade que nasci, capital de todos os maranhenses, nossa São Luís do Maranhão. Avante!!!!”, finalizou.

O que será que o prefeito Edivaldo Holanda Júnior acha de tudo isso?

6 comentários »

Notícia mundial

0comentário

Imagem1

Procurada pela Polícia Federal (PF) desde o último dia 20, a prefeita afastada de Bom Jardim (MA), Lidiane Leite (sem partido), ganhou destaque na imprensa internacional. O paradeiro da prefeita foragida, investigada após denúncias de desvio de recursos públicos para a educação, ainda é desconhecido.

Nesse domingo (30), a página eletrônica da BBC News de Londres destaca a procura pela prefeita: “Prefeita brasileira que comanda cidade via WhatsApp é procurada por corrupção”, destaca a manchete.

“Uma prefeita no Brasil está foragida após ter sido acusada por desviar fundos do sistema escolar e comandar a cidade remotamente, por meio do WhatsApp. Lidiane Leite, 25, vivia uma vida de luxo na capital do Estado do Maranhão, disseram os promotores. Eles dizem que seu único contato com sua cidade, Bom Jardim, foi através de mensagens diárias WhatsApp para o seu gabinete”, informa trecho inicial da reportagem.

A BBC destaca, ainda, a eleição precoce, “em seus 20 e poucos anos”; a inexperiência de Lidiane; e o caos na cidade. “O sistema de ensino da cidade já era precário e, agora, entrou em colapso. Os professores não estão sendo pagos”, diz a reportagem, que finaliza situando o leitor que o “Maranhão, no Nordeste do Brasil, é um dos Estados mais pobres do país”.

Imagem2

Outros meios

A procura pela prefeita Lidiane Leite também foi destaque em outros meios na Inglaterra e Estados Unidos. A edição eletrônica de Telegraph publica nesta segunda-feira (31): “Polícia brasileira à procura de prefeita de 25 anos acusada de corrupção e que comandava cidade pelo WhatsApp”.

O jornal destaca a ‘ostentação’ da prefeita nas redes sociais, com imagens que vão de festas com champanhes, fotos com seu personal trainer e passeios com amigos com moto aquática.
“Lidiane Leite, 25, vangloriou-se em redes sociais sobre como ela havia abraçado um estilo de vida luxuoso depois de se tornar prefeita de Bom Jardim – um dos municípios mais pobres do Brasil. Ela foi eleita depois de seu então marido, Beto Rocha, foi impedido de concorrer a prefeito em 2012 por alegada corrupção”.eletrônica de Telegraph publica nesta segunda-feira (31): “Polícia brasileira à procura de prefeita de 25 anos acusada de corrupção e que comandava cidade pelo WhatsApp”.

A edição norte-americana da revista The Week também efatizou a busca pela prefeita foragida, afirmando que, quando foi mencionada pela Operação Éden, da PF, ela fugiu, deixando o município em um caos. “Um mandado de prisão foi emitido quinta-feira, e novo prefeito da cidade foi empossado sábado, prometendo apoiar uma investigação completa sobre o dinheiro em falta”, diz a nota.

A edição britânica da The Week também descacou o caso em Bom Jardim, em uma pequena nota publicada nesta segunda, em formato “resumo do dia”: “Lidiane Leite, 25, foi eleita depois que seu namorado foi impedido e, em seguida, fez-lhe o seu principal conselheiro”.

Leia mais

sem comentário »

Reunião com peritos

0comentário

HildoRocha

Integrantes da Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais se reuniram, neste fim de semana, com o deputado Hildo Rocha, para pedir o apoio do parlamentar no que se refere às reivindicações da categoria que tramitam na Câmara Federal. Participaram do encontro, Afonso Bonn, Gerson Vasconcelos Malagueta, José de Carvalho Azevedo Filho e Lucian Fidélis.

Existem três Propostas de Emendas Constitucionais que afetam diretamente a categoria, destacaram os peritos: PEC 64/201, que fixa parâmetros para a remuneração da Carreira de Perito Criminal Federal; PEC 117/2015, que propõe a transformação da perícia federal em órgão independente; e PEC 443/2015 que altera a lei da isonomia salarial entre peritos e delegados da polícia federal.

Hildo Rocha ressaltou que reconhece a importância do trabalho dos peritos criminais federais e se comprometeu a apoia-los. “É necessário que esses profissionais tenham boas condições de trabalho e salários compatíveis com a complexidade e as responsabilidades das tarefas que executam. Portanto, vou me empenhar para que as reivindicações da categoria sejam aprovadas na Câmara e, posteriormente, no Senado Federal”, afirmou o deputado.

Falando em nome da categoria, José de Carvalho Azevedo Filho explicou que o objetivo dos profissionais da perícia criminal federal é assegurar direitos e obter melhores condições de trabalho.

“Ficamos satisfeitos porque o deputado prontamente se comprometeu a defender as PECs de interesse dos peritos criminais federais”, destacou Azevedo Filho.

sem comentário »

Só na conversa

7comentários

LeoConde

Sem tempo para treinar após o empate por 1 a 1 com o Macaé, fora de casa, o Sampaio já pensa na partida desta terça-feira, às 20h30, no Castelão contra o Mogi Mirim. Ainda na sexta – Sampaio tem jogo difícil contra o Náutico, em Recife e por isso não deve fazer nenhum treinamento forte até lá.

O técnico Léo Condé tentará corrigir tudo à base de conversa a pontaria da equipe. Diante do Macaé, o Sampaio deixou escapar a vitória ao perder pelo menos cinco oportunidades cristalinas de gol. Como o time não vai treinar, o jeito será conversar bastante.

Para o duelo com o Mogi Mirim, o Sampaio terá uma única modificação que será o retorno do zagueiro Luís Otávio que entra no lugar de Mimica. O restante da equipe será a mesma que enfrentou o Macaé.

O Sampaio jogará com: Rodrigo; Daniel Damião, Luíz Otávio, Plínio e Willian Simões; Léo Salino, Diones, Válber e Nádson; Douglas e Pimetinha.

Se vencer o Mogi, o Sampaio chegará a 38 pontos e tem tudo para retornar ao G4. Isto só não acontecerá se o Sampaio não vencer ou se o Tricolor vencer, mas os quatro primeiros colocados também vencerem seus jogos, sendo que Vitória, Paysandu e América-MG jogarão fora.

7 comentários »

Fraude em concurso

0comentário

fraudeconcursoPoliciais federais prenderam por volta das 8h30min da manhã deste domingo (30), um candidato ao cargo de técnico administrativo do concurso público para o Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão.

Após receber uma denúncia anônima, policiais federais que realizavam o policiamento ostensivo de um dos locais de realização das provas se dirigiram até o local onde se encontrava o candidato e solicitaram à coordenação do concurso uma revista pessoal com o uso de detector de metais.

Durante a revista foram encontrados junto ao corpo de um candidato três receptores/transmissores afixados com esparadrapo, bem como um ponto eletrônico dentro de seu ouvido. Também foram apreendidos dois aparelhos celulares.

O candidato foi preso e encaminhado para a Superintendência Regional da Polícia Federal, onde foi autuado em flagrante pelo Delegado de plantão. Ele responderá pela tentativa do crime de fraude a concurso público (art. 311-A e art. 14, II do Código Penal Brasileiro).

sem comentário »