MA ficou mais pobre com Dino, diz Adriano

5comentários

Com Flávio Dino o Maranhão ficou mais pobre, diz deputado Adriano Sarney na Assembleia

O deputado estadual Adriano Sarney (PV), destacou a recente reportagem do jornal O Globo, na sessão de abertura dos trabalhos deste ano, nesta segunda-feira (6), revelando que os números da economia do Estado pioraram no governo Flávio Dino (PCdoB). A queda do Produto Interno Bruto (PIB) chegou a faixa de -6,9% em 2016, disse o deputado, salientando que em 2015 o PIB havia sofrido uma queda expressiva de -3,3%, ou seja, nos dois anos do governo comunista a economia encolheu incríveis 10,2%.

Há alguns anos, a economia do Maranhão crescia a taxa média de 6% ao ano, maior do que a média nacional, que registrava a taxa de 2,7%. Quadro diferente do governo Dino, que em dois anos, apresentou quedas consecutivas. Como agravante, a economia do Maranhão vem encolhendo, em média, mais do que os outros estados brasileiros.

“Antes do governo comunista, o Maranhão crescia acima da média dos estados, hoje cai mais do que a média nacional. Então, não basta dizer que essa é uma crise nacional, mas é preciso reconhecer que a crise é mais acentuada no Maranhão. Por quê? Porque o governador aumenta imposto, reduz investimentos em infraestrutura, investimentos importantes, o que significa menos dinheiro circulando em nossa economia”, declarou o deputado.

Foto: Agência Assembleia

5 comentários »

Tema discute Saúde e Segurança Pública

0comentário

Cleomar Tema se reúne com os deputados Juscelino Filho, André Fufuca e Aluísio Mendes

O prefeito de Tuntum e presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (FAMEM), Cleomar Tema, reuniu-se nesta segunda-feira (6), em São Luís, com os deputados federais Aluízio Mendes, Juscelino Filho e André Fufuca – estes dois últimos coordenador da bancada maranhense em Brasília e 2º vice-presidente da Câmara, respectivamente.

Tema discutiu com os parlamentares reivindicações dos municípios nos setores da saúde e segurança pública. As pautas também serão amplamente debatidas durante encontro do presidente da entidade municipalista com os demais membros da bancada no próximo dia 15, em Brasília.

Na saúde, foi exposta a necessidade de uma total união da classe política do estado no sentido de conseguir, junto a União, o aumento dos repasses para o atendimento de alta e média complexidade nos municípios.

Tema , na reunião do dia 15, apresentará aos deputados federais e senadores um estudo técnico que mostra que o Maranhão é o penúltimo estado da federação no que diz respeito ao recebimento de recursos na saúde per capita – recebe R$ 137 por habitante.

A proposta defendida pela FAMEM é de que este teto seja pelo igual ao da média nacional – R$ 194 por habitante.

Na segurança pública, Cleomar Tema solicitou aos parlamentares que a bancada também ajude os municípios a obter parcerias com a Secretaria Nacional de Segurança Pública e Polícia Federal para capacitar as Guardas Municipais e habilitar seus integrantes para que os mesmo possam trabalhar armados.

“Sobre as Guardas, é possível, sim, viabilizar a capacitação dos seus agentes e, desta forma, fazer com que eles contribuam com o setor da segurança pública, que é de competência do governo do estado. Além disso, o município habilitado ainda tem direito a recursos. O companheiro Tema está trabalhando muito em favor do municipalismo e já modificou, para muito melhor, a forma de gerir a FAMEM”, disse Aluízio Mendes.

Avaliação semelhante fez Juscelino Filho. Além de garantir total apoio aos pleitos municipalistas, ele também destacou o ritmo acelerado de trabalho de Cleomar Tema.

“O presidente Tema é um grande municipalista e vem imprimindo um ritmo muito proveitoso de trabalho na defesa das cidades e também dos gestores”, comentou.

sem comentário »

Edilázio aponta divergências de Dino

0comentário

Deputado também apresentou requerimento de convocação do secretário Clayton Noleto

O deputado estadual Edilázio Júnior (PV) apontou uma série de divergências ontem, no discurso do governador Flávio Dino (PCdoB), proferido na última quinta-feira na Assembleia Legislativa.

Na ocasião Dino havia pontuado projeção econômica no estado com aumento de dois pontos percentuais do Produto Interno Bruto (PIB), investimento para a melhora da balneabilidade das praias da capital e disposição dos secretários de estado, assim que convocados, para comparecimento no Legislativo.

“Nada bate a realidade em relação ao que ele falou naquela tribuna com o que vem passando o nosso estado e o que vem acontecendo aqui nesta Casa”, disse.

Edilázio falou de algumas incoerências do governador. “Só para citar alguns exemplos, ele falou da segurança, que a segurança vem melhorando, que os índices vêm melhorando, e quando chega o final de semana dois policiais mortos; fala do crescimento da economia do estado do Maranhão, aí vem agora os números do PIB 6,9% menor no Maranhão com relação ao ano de 2015 e aí ele fala das praias, vem o jornal da Folha de São Paulo e diz que todas as praias de São Luís estão impróprias para banho”, completou.

Edilázio também criticou o fato de Flávio Dino ter assegurado a presença de todos os secretários de estado na Assembleia, em 2016, assim que convocados pelos deputados. Na mesma ocasião, o parlamentar anunciou a convocação do secretário de Estado da Infraestrutura, Clayton Noleto (PCdoB), para dar esclarecimento a respeito do Programa Mais Asfalto.

“O que ainda mais me chamou atenção é que ele disse que toda a semana tem secretário de governo aqui na Assembleia, para prestar esclarecimentos. Enquanto nós sabemos que sequer um requerimento de informações nós conseguimos aprovar e todos os requerimentos nesta Casa de convocação de secretários foram barrados. Então, meus colegas parlamentares, imprensa, senhor presidente em exercício, hoje eu já apresentei um pedido de convocação do secretário de Infraestrutura Clayton Noleto. Vamos começar esse ano de 2017, esse ano parlamentar, para que na semana que vem ele se faça presente nesta Casa para prestar os esclarecimentos do Mais Asfalto e, assim, fazer jus às palavras do governador Flávio Dino”, finalizou.

Foto: Agência Assembleia

sem comentário »

Edivaldo prestigia trabalhos na Câmara

6comentários

Prefeito Edivaldo participa da sessão solene de abertura dos trabalhos na Câmara Municipal

Reafirmando a harmonia entre os poderes Legislativo e Executivo, o prefeito Edivaldo participou, na manhã desta segunda-feira (6), da sessão solene de abertura dos trabalhos relativos ao primeiro período da 19ª Legislatura da Câmara Municipal de São Luís. Os trabalhos foram coordenados pelo presidente da Casa, vereador Astro de Ogum.

No ato solene, o prefeito Edivaldo desejou aos vereadores um ano exitoso de trabalho e reiterou o compromisso de continuar mantendo o diálogo e o respeitoso relacionamento institucional que já é cultivado entre ambos os poderes. “Tenho a honra de voltar novamente a esta Casa, onde iniciei minha vida pública, e aqui reconhecer que muitas das conquistas obtidas pelo município nos últimos quatro anos foram fruto de importantes parcerias celebradas tanto com o Governo do Estado como também pela relação respeitosa e harmônica entre o Executivo e o Legislativo”, afirmou Edivaldo.

O prefeito pontuou que a atuação de cada um dos vereadores resultará em conquistas positivas para a cidade e destacou algumas das ações realizadas pelo Executivo com apoio da Câmara. Edivaldo citou, entre outros projetos, a realização da Licitação do Transporte Público, que reestruturou o sistema público de transporte da capital; e os investimentos realizados na rede municipal de Saúde, com a reforma e ampliação de mais de 30 unidades básicas; a construção da Unidade de Saúde 24h da Zona Rural e a reestruturação do Centro de Especialidades Médicas (CEM) do Filipinho – referência em saúde do homem na capital – entre outras ações.

O prefeito destacou ainda o avanço em outras áreas, como a Educação, por exemplo. Edivaldo relembrou que o município conseguiu retomar a curva de crescimento do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), que vinha em queda desde de 2011. “Este bom desempenho é resultado das mudanças promovidas no setor, com investimento na valorização dos professores e a implementação de medidas para a melhoria do ensino e da aprendizagem de nossos alunos”, enfatizou.

Na área da infraestrutura urbana, o prefeito lembrou que sua gestão desenvolveu o maior programa de urbanização que São Luís já teve, alcançando mais de 100 bairros que receberam serviços de pavimentação, drenagem e iluminação pública, que impactaram positivamente na qualidade de vida da população.

Apontou também crescimento nas áreas da infraestrutura agrícola, um setor que havia sido abandonado pelas gestões anteriores e que hoje recebe ações de fomento e apoio à produção. “Demos condições para os agricultores produzirem e, com essa ação, também estamos levando comida à mesa das famílias em situação de insegurança alimentar”, disse o prefeito Edivaldo, ressaltando ainda outras ações nos setores habitacional, de meio ambiente e de proteção e inclusão social, a exemplo de projetos como a Residência Inclusiva e abrigos para assistência à população de rua.

“Foram ações realizadas mesmo com a situação de crise que o país vive. Para os próximos anos, continuaremos superando as dificuldades enfrentadas e avançando em todas as áreas. Tenho consciência que aliar crescimento econômico e inclusão social não é uma das tarefas mais fáceis, ainda mais neste cenário de escassez de recursos. Entretanto, reafirmo aqui a responsabilidade de manter as finanças equilibradas e continuar promovendo as políticas públicas necessárias para a cidade e a população”, afirmou o prefeito.

Estiveram presentes na abertura da sessão os secretários municipais Jota Pinto, (Articulação Política); Ivaldo Rodrigues, (Agricultura, Pesca e Abastecimento); Andrea Lauande, (Criança e Assitência Social); José Cursino, (Planejamento); Délcio Rodrigues (Fazenda); Ana Paula Moura Rodrigues, (Articulação Institucional), entre outras autoridades.

Foto: A. Baeta

6 comentários »

Clubes se movimentam com reforços

0comentário

Moto apresentou Vinícius Paqueta (atacante), Lorran (lateral-esquero) e Marcos Paullo (meia)

Mercado da bola agitado no futebol maranhense nesta segunda-feira. Moto, Maranhão, Sampaio e São José anunciam reforços.

No Moto foram apresentados três reforços. São eles o meia Marcos Paullo, o lateral-esquerdo Lorran e o atacante Vinícius Paqueta. Além dos três, o meia Válber assinou contrato e deve ser regularizado para o jogo com São Paulo, na Copa do Brasil, na quinta-feira, (9), às 20h30, no Estádio Castelão.

No Sampaio, a novidade foi o anúncio do retorno do lateral-direito Roniery que foi campeão brasileiro pelo Sampaio em 2012 e que disputou a Série B pelo Paysandu.

No Maranhão, a novidade foi o meia Eloir. O jogador que chegou a vestir a camisa do Moto, beijar a camisa e o escudo se apresentou ao MAC como a grande aposta para a temporada.

O São José anunciou a contratação do atacante Abuda, de 30 anos. O atacante que já jogou no Corinthians e Vasco estava ultimamente no Rio Negro, do Amazonas.

sem comentário »

Flávio Dino anuncia medidas administrativas

0comentário

“Com as mudanças, haverá economia de gastos e não haverá criação de cargos”, diz Flávio Dino

O governador Flávio Dino (PCdoB) anunciou nas redes sociais algumas medidas de administrativas com a fusão e extinção de órgão.

“A Secretaria de Minas e Energia está sendo fundida com a Secretaria de Indústria e Comércio. E o Viva com o Procon. Também há a fusão da Agência de Serviços Públicos com a Agência de Mobilidade Urbana. A Agência Metropolitana será instalada”, anunciou.

Flávio Dino também anunciou a reinstalação da Secretaria de Relações Institucionais.

“Com as mudanças, haverá economia de gastos e não haverá criação de cargos”, afirmou.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Ministério Público vistoria o Nhozinho Santos

5comentários

Aparentemente recuperado, gramado do estádio Nhozinho Santos ainda passa por melhorias

A promotora Lítia Cavalcanti realizou uma vistoria na manhã desta segunda-feira (6), no estádio Nhozinho Santos. Segundo ela, assim que a Secretaria Municipal de Desporto e Lazer apresentar os laudos do Corpo de Bombeiros, Vigilância Sanitária, Polícia Militar e Crea estará apto para receber jogos de futebol.

Lítia Cavancanti disse que os ítens de segurança ao torcedor que constavam no Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) foram cumpridos pela Prefeitura de São Luís.

No entanto, o gramado e a iluminação do Nhozinho Santos ainda não estão prontos, mas a Semdel garantiu que o trabalho continuará. No momento da vistória, uma equipe trabalhava na recuperação do gramado.

Acompanhada pelo engenheiro da Semdel, Lítia disse que a Prefeitura de São Luís garantiu um novo gramado e o alambrado em acrílico dentro de 4 meses, dessa forma, o Nhozinho Santos não deverá ser utilizado pelos clubes no Campeonato Brasileiro deste ano.

Mesmo com a vistoria do Ministério Público, a reabertura pela Prefeitura de São Luís que foi anunciada para esta segunda-feira, às 16h com a apresentação de jogadores do Moto foi cancelada. Os jogadores vão ser apresentados mesmo no CT do Paranã.

5 comentários »

Luis Fernando apresenta balanço na Câmara

1comentário

Prefeito Luis Fernando apresenta balanço das primeiras ações na Câmara Municipal de Ribamar

Concluídos os primeiros 30 dias de administração do município de São José de Ribamar, o prefeito Luis Fernando (PSDB), fez um balanço do primeiro mês de gestão e antecipou que os próximos meses serão de “trabalho árduo de reconstrução”, de um município totalmente quebrado com dívidas que até o momento ultrapassam a casa dos 30 milhões de reais.

Com foco nas necessidades consideradas emergenciais, já no primeiro dia de governo, Luis Fernando encaminhou para votação na Câmara Municipal o projeto de reforma administrativa de reorganização da casa além do reajuste do salário mínimo, fixação do calendário de pagamentos mensais com inclusão do 14º salário para os professores e a suspensão do contrato com a Cooperativa que mantinha em folha mais de 600 funcionários fantasmas.

Luis Fernando conta que a desordem era tamanha que as cotas dos recursos provenientes do Fundo de Participação do Município (FPM), relativas às parcelas dos dias 20 e 30, foram bloqueadas, fato que impediria o pagamento do funcionalismo público (Em anexo, cópias da liminar que desbloqueou os recursos, após renegociação de algumas dívidas).

“Nossa primeira vitória foi o desbloqueio das verbas em consequência das dívidas deixadas pela gestão passada que atingem direitos básicos do nosso funcionalismo a exemplo da previdência. Conseguimos por meio de liminar desbloquear o recurso e pagar os vencimentos do funcionalismo”, completou enaltecendo o empenho de toda a equipe de governo na força tarefa de reconstrução do município.

Entre as ações, a recuperação de quase 20 mil metros de rua e avenidas da cidade, eliminação de pontos de lixo e recolhimento de 4.200 toneladas de lixo, o que de acordo com Luis Fernando minimiza o que ele intitulou de “cidade da vergonha”. Também foram retomados serviços de catação, varrição, roço, raspagem e pintura de meio-fio, limpeza mecanizada das praias de Panaquatira, do Meio e Araçagy, além do retorno do Caminhão do Peixe, obras de recuperação da Cozinha Escola, Poço da Saúde e Escola de Música.

(mais…)

1 comentário »

Procon vai notificar Sampaio e FMF

6comentários

Por falta de ambulância, partida entre Sampaio e Ríver atrasa 45 minutos na Copa do Nordeste

O Procon vai notificar nesta segunda-feira (6), a Federação Maranhense de Futebol (FMF) e o Sampaio por conta do atraso no início da partida com o Ríver-PI, pela Copa do Nordeste.

Segundo o presidente do Procon, Duarte Júnior, FMF e Sampaio deverão apresentar todas a documentação que comprove a solicitação do serviço de ambulância dentro do tempo hábil.

“De acordo com o artigo 16, inciso IV, da Lei nº 10.671/2003 (Estatuto do Torcedor), é de responsabilidade da entidade realizadora da competição disponibilizar uma ambulância para cada 10 mil torcedores. Além do risco à vida, saúde e segurança dos consumidores, tal fato compromete a qualidade do evento e gera prejuízos a imagem do Estado do Maranhão perante os demais entes da federação. Após o recebimento da notificação, a organização terá 10 dias para apresentar defesa e as informações que entender necessárias”, destacou.

O presidente da FMF, Antônio Américo disse que a responsabilidade é conjunta de Sampaio e FMF, mas que o assunto não diz respeito ao Procon, mas sim ao STJD.

“A responsabilidade é do Sampaio e da Federação. Encaminhamos a solicitação com a relação dos jogos do fim de semana à empresa que presta o serviço e ela confundiu e só viu o jogo do maranhense. Eles não observaram a solicitação para o jogo do Sampaio. O Procon não tem competência sobre isso. Essa é uma medida técnica de competência do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Houve um atraso e haveria prejuízo se a partida não tivesse acontecido. Houve um atraso e esse atraso é de competência do STJD que aplicará as penalidades”, disse Antônio Américo.

O Sampaio se manifestou e disse que não tem responsabilidade direta sobre o ocorrido, mesmo assim adotará providências para que o fato não se repita mais.

“Existe um contrato da Federação, existe um contrato para prestação desse serviço com a empresa que se equivocou com o horário. A Federação sabe o horário e encaminhou a solicitação à empresa. Eu não posso responder pelos erros dos outros, tenho que responder pelos meus erros. Eu estou entrando com um ofício para que tudo seja responsabilidade do Sampaio que é quem paga a conta no final de tudo. Isso é o mínimo que o Sampaio precisa fazer, pois representa respeito ao torcedor e o cumprimento com o contrato com a televisão. Isso foi muito ruim para a imagem em geral do clube, do futebol maranhense”, disse Sérgio Frota.

O fato deverá ser relatado na súmula pelo árbitro Ítalo Medeiros de Azevedo (RN), mas ainda não foi disponibilizada a súmula no site da CBF.

6 comentários »

PIB do Maranhão despenca de 2015 para 2016

1comentário

Em 2015, primeiro ano do Governo Flávio Dino, o PIB do MA fechou negativamente com -3,3%

Depois da reportagem da Folha de São Paulo sobre a balneabilidade das praias de São Luís, mais uma reportagem nacional parece ter desmentido as falácias do Governo Flávio Dino.

Nesta segunda-feira (6), reportagem de O Globo apresenta o PIB (Produto Interno Bruto) de todos os Estados brasileiros e, ao contrário do que propaga o Governo Flávio Dino, o PIB do Maranhão foi um dos que mais caiu de 2015 para 2016 (veja aqui).

Em 2015, primeiro ano do Governo Flávio Dino, o PIB do Maranhão fechou negativamente com -3,3%. Apesar de ter ficado negativo, ainda foi um dos melhores posicionados, pois seguiu uma tendência nacional em virtude da crise.

Entretanto, o mesmo discurso não pode ser mais utilizado para 2016. No levantamento feito o Maranhão seguiu caindo e fechou com -6,9%, foi o terceiro pior, ficando à frente apenas do Espírito Santo com -9,9% e Piauí com -7,7%.

O pior é que o PIB do Maranhão foi na contramão de boa parte dos Estados brasileiros que conseguiram melhorar os números de 2015 para 2016. Até o Rio de Janeiro, que vive uma crise interminável, variou minimamente positivamente, pois saltou de -3,7% em 2015 para -3,6% em 2016.

Ou seja, o Maranhão no Governo Flávio Dino piorou consideravelmente o seu PIB, pois saltou de -3,3% para -6,9%.

Pior para Flávio Dino é que dessa vez será difícil ele culpar ou transferir a responsabilidade de seus atos para alguém, como costumeiramente faz, pois a queda do PIB foi dentro do seu próprio governo, afinal foi de 2015 para 2016.

Até porque se a culpa fosse do governo anterior, a queda maior do PIB seria em 2015, no seu primeiro ano de governo, não em 2016, no seu segundo ano conduzindo, pelo visto pessimamente, o Maranhão.

Pelo visto, mais uma vez, a imprensa nacional pegou Flávio Dino na mentira e prevaleceu o velho adágio popular: mentira tem perna curta.

Blog do Jorge Aragão

1 comentário »