Moto terá que disputar a Segunda Divisão Maranhense em 2010

0comentário

De nada adiantou a virada mesa protagonizada pela Federação Maranhense de Futebol com o objetivo de manter o Moto na Primeira Divisão Maranhense, pois em todos os âmbitos da justiça desportiva a armação foi por terra. Hoje à tarde, por unanimidade, o Pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva acolheu o recurso da Procuradoria do Tribunal de Justiça Desportiva do Maranhão (TJD/MA) e o Moto Clube não poderá disputar a Primeira Divisão do Campeonato Maranhense este ano.

A Procuradoria do TJD/MA alegou que há irregularidades no recurso do Moto Clube impetradas no tribunal local e que o mesmo deve ser suspenso. Por meio do documento, o clube recorria de decisão que não reconheceu sua participação da Segunda Divisão do estadual em 2009.

Uma vez deferido o recurso da Procuradoria, a decisão do TJD/MA de aceitar o recurso do Moto Clube será revogada, e o clube, tendo definitivamente não reconhecida sua participação na Segundona do Maranhense de 2009, não poderá recorrer no caso do polêmico resultado na última rodada da competição, quando o Viana goleou o Chapadinha por 11 x 0 pelo e está impedido de disputar a Primeira Divisão estadual deste ano.

Ao Moto resta apenas recorrer ao tribunal da FIFA, mas com certeza lá será derrotado também e o melhor mesmo é economizar esse dinheiro. Que a decisão do STJD sirva de lição para os dirigentes da FMF e do Papão e aprendam que a virada de mesa está definitivamente banida do futebol.

Sem comentário para "Moto terá que disputar a Segunda Divisão Maranhense em 2010"


deixe seu comentário