Saiba como adquirir o novo CD da Tribo de Jah

1comentário



A Tribo de Jah lançou simultaneamente um CD em português, com o título de “The Babylon Inside), e um em inglês “Love To The World, Peace To The People”.Apesar da carreira sólida no Brasil, o grupo de reggae maranhense busca investir cada vez mais no mercado externo.

Os dois discos trazem em comum 3 canções que foram compostas originalmente em inglês, além da faixa The Little You Do, que no cd The Babylon Inside obteve uma versão para o português com o título de “O Pouco A Fazer”. São, no entanto, dois grandes álbuns com mais de 13 canções cada um refletindo um momento muito intenso e especial da banda que mostra indiscutivelmente a sua melhor forma. Os CDs estão à venda nas principais lojas do país e também no site oficial www.tribodejah.com.br .

1 comentário »

Caravana do Laborarte em intercâmbio cultural no Rio de Janeiro

0comentário

A Caravana do Laborarte se apresenta entre os dias 2 e 10 de junho, na Semana de Arte Popular Maranhense, no Rio de Janeiro.

A Caravana será representada pelo tambor de crioula e o Cacuriá de Dona Teté. Será uma troca de informações onde as duas manifestações culturais maranhenses vão manter contato com o Jongo (RJ.

Os maranhenses se apresentam no Espaço do AfroReggae, SESC/Rio, Escola do Jongo da Serrinha, em Madureira (RJ) e no Quilombo São José, em Valença (RJ).

No dia 6 de junho, às 21h, acontece a Festança e Folguedos, onde o Oficina de Sotaques e o DJ Zod recepcionam o tambor de crioula e o Cacuriá de Dona Teté. Haverá ainda show da cantora Rosa Reis. O local do encontro será o Recordatório Arte e Educação, na Lapa (RJ).

sem comentário »

Otto reverencia o teatro Artur Azevedo em show informal

0comentário

Maio é realmente mágico. Mês das flores, das mães, de Maria, do Divino Espírito Santo. Enfim, de muita festa onde se pôde incluir a vinda a São Luís do cantor e compositor pernambucano Otto. Foram quase 10 anos esperando uma oportunidade para mostrar a sua música aos maranhenses.

De repente surge o MPB Petrobrás, coordenado pelo Caderno 2 Produções Artísticas, comemorando 10 anos em favor da cultura nacional. O projeto nos proporcionou um momento marcante ao trazer um dos precursores do Mangue Beat, movimento surgido nos anos 90 no Recife, que deu uma chacoalhada na Música Popular Brasileira desde a Tropicália. Antes da celebração musical com Otto, o cantor e compositor maranhense Tutuca fez um show agradável e previsível mostrando as músicas já conhecidas do público, abrindo concessão para a sua mais nova composição, “Estrada Reta”.

Já o músico pernambucano subiu ao palco para quebrar um determinado protocolo existente no Teatro Artur Azevedo, com o show informal do DVD Otto – MTV Apresenta, gravado ao vivo em São Paulo, em março de 2005. Espécie de retrospectiva em sua carreira solo. O trabalho registrou as várias fases do cantor e passeou pelos álbuns “Samba Pra Burro”, “Condom Black” e “Sem Gravidade”. O pernambucano é acompanhado por Marcos Axé e André Male (percussão), Daniel Ganjaman (teclados), Júnior Boca e Fernando Catatau (guitarra), Rian Bezerra (baixo) e Beto Apinéia (bateria). Na verdade, essa superbanda é a junção de parte dos integrantes da Nação Zumbi, Instituto, Cidadão Instigado, Sheik Tosado e do próprio grupo de Otto. Eles fizeram a festa com um repertório onde não faltou cirandas, maracatu, coco, brega, salsa, samba, rap e influências da black music dos anos 70, numa simbiose que define Otto como um cidadão do mundo que não perdeu as origens.

Sempre a cada música executada um discurso que ecoava meio sem pé e sem cabeça, mas que traduzindo ao pé da letra veio a boa impressão de que Otto estava em transe, ou melhor em transa, com a cidade, pelos bons fluídos de sua performance, por estar cantando para um público que saiu de casa a fim de festa e por ocupar o palco de um dos teatros mais representativos da América Latina: o Teatro Artur Azevedo ou Apolônia Pinto, que nesta sexta-feira, dia 1º, completa 190 anos. Como ninguém é de ferro, depois do show Otto foi conhecer o admirável Bar do Léo, na feira do Vinhais, acompanhado da figurinha Darcimeire Coelho ou Dadá Coelho.

sem comentário »

DJ Vivi Seixas é a anfitriã na festa de inauguração do Mr. Frog

0comentário

A Mr. Frog, chamada de a Casa do DJ´s, abre as portas no próximo dia 8, (sexta-feira), às 22h, atrás da Studio 7, no Calhau.

A nova casa de diversão idealizada pelo empresário Alessandro Salomão, o mesmo cara que comanda as noites de sábado do projeto Trapiche, no Club 1, na Ponta D`Areia, tem como proposta básica agregar pessoas com espírito jovem e que apostam nas mais variadas vertentes da música.

A Mr. Frog vai mobilizar inicialmente a sua sexta-feira, e para noite de estréia as presenças do DJ residente Pedro Sobrinho, tocando black music, samba rock, house e drum´n´bass; DJ Diff (MA), fazendo estardalhaço com muito trance, além da anfitriã a DJ carioca Vivi Seixas, a herdeira de Raul Seixas.

Absorvendo as boas influências de seus pais, Vivi seixas criou uma ligação íntima com a música e um gosto bastante apurado e variado. Criada num ambiente familiar vanguardista, filha do grande mestre do rock brasileiro, Raul Seixas, Vivi se acostumou a estar sempre à frente de seu tempo.

Em 2003, começou tocando Ambient, mas rapidamente passou para o House (Funky e Tech House), por ser um estilo mais dançante e com maior aceitação nos clubs; e passou a tocar com disco de vinil, pela melhor qualidade do som.

Seu gosto musical apurado, aliado a mixagens redondas, lhe rendeu a residência do clube carioca 00 no ano de 2004, e muitos outros contratos por todo o Brasil. Vivi Seixas já se apresentou nas principais capitais do país, como Brasília, Belo Horizonte, São Paulo, Porto Alegre, Campo Grande, Bahia e Ribeirão Preto. Em Agosto de 2004 tocou para um publico de cinco mil pessoas no evento “O Baú do Raul”, uma homenagem ao seu pai que aconteceu na Fundição Progresso no Rio de Janeiro.

Como produtora, no projeto Sonic Lizard, remixou músicas de Raul, estando uma delas no CD e DVD “O Baú do Raul”.

Em 2005 seu nome começou a ter mais destaque. Capa da revista Trip de agosto, Vivi Seixas teve seu trabalho divulgado para todo o Brasil, o que resultou em mais datas pelo país. Visando crescer ainda mais em sua carreira, a DJ embarcou para São Francisco (EUA) em Dezembro, onde fez um curso de produção musical em uma das mais renomadas escolas da região. Lá também se apresentou em boates badaladas junto com os DJs Hector Moralez e Tony Hewit.

A DJ Vivi Seixas foi uma das atrações da edição 2007 do Festival de Verão de Salvador, evento que reúne tribos de todos os estilos, gente de todas as idades. Uma multidão que se converte em diversão, vibração e música. Ela tocou na última noite do festival onde dividiu a Tenda Eletrônica com os DJ´s Renato Ratier (SP), Andy (SP), Aj Perez, Haus e Nazca. Vivi participou ainda do Espaço Eletrônico, do Piauí Pop, realizado em julho do ano passado.

sem comentário »

Os Carcarás

0comentário

O percussionista e compositor maranhense Cacau Amaral manda avisar que retorna à terra natal no dia 25 de junho. Cacau está ensaiando com quatro músicos no Rio de Janeiro, onde mora atualmente, um repertório baseado em canções de João do Vale.

O tributo ao menestrel maranhense, natural de Pedreiras, batizado de “”, será apresentado em bares, teatros e praças de São Luís. Taí, uma boa idéia e que merece ser prestigiada.

sem comentário »

Confirmada a presença do Ministro Gilberto Gil no dia 18 de junho em São Luís.

0comentário

A visita do ministro da Cultura, Gilberto Gil, será no dia 18 de junho, onde participará da reunião do Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural.

Gilberto Gil vai registrar o Tambor de Crioula como Patrimônio Cultural do Brasil.

Na última sexta-feira, 25, representantes de diversos grupos de tambor de crioula, do Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), Fundação Municipal de Cultura (FUNC) e da Secretaria de Estado da Cultura, estiveram reunidos, na Fábrica São Luís (Madre Deus), onde definiram sobre a reunião do Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural.

Na ocasião, também foram entregues aos representantes dos grupos de tambor de crioula e de entidades ligadas à cultura o livro e o DVD “Os Tambores da Ilha”, produzido em comemoração à intenção do registro da manifestação como Patrimônio do Brasil. Além dos representantes dos grupos, também participaram da reunião, o presidente da Fundação Municipal de Cultura, Adirson Veloso, a superintendente da 3ª região do Iphan, Kátia Bogéa, o secretário de Estado da Cultura, Joãosinho Ribeiro, entre outros.

O Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural
se reunirá pela quarta vez fora da sua sede, localizada no Rio de Janeiro. O Conselho irá se reunir na Casa das Minas e em seguida o Ministro Gilberto Gil anunciará o resultado da reunião. Em procissão, os 60 grupos de tambor de crioula de São Luís seguirão para a Fábrica São Luís, onde haverá uma grande festa.

sem comentário »

Rita Lee recebe o Título de Cidadã Carioca

0comentário

A cantora Rita Lee, 59 anos, recebeu neste sábado o título de “Cidadã Carioca” em sessão realizada na Câmara Municipal do Rio de Janeiro.

Estiveram presentes, além da cantora, fãs, o marido Roberto Carvalho, o deputado Fernando Gabeira e a cantora Preta Gil.

Em entrevista ao Jornal Hoje da TV Globo, Rita disse que a homenagem “é um Oscar” para uma “paulista branquela sem samba no pé”. A cantora também disse que tem se controlado no álcool e nas drogas e que é apaixonada pelo marido, com quem está casada há 31 anos.

Rita Lee, também foi destaque na edição deste domingo, do Fantástico, da Rede Globo. Ao lado do maridão, Roberto de Carvalho apresentaram algumas das clássicas canções, entre elas, “Ovelha Negra”.

Recesso

A banda The Strokes vai tirar o ano de 2007 de folga e não lançará nenhum trabalho. Isso é o que disseram seus integrantes em sua página no My Space.

Os integrantes da banda liderada por Julian Casablancas confirmou que, após a exaustiva turnê de divulgação de seu terceiro disco, First Impressions of Earth, precisam descansar.

O guitarrista dos Strokes, Albert Hammond Jr., contudo, não descansará, já que ele vai participar dos festivais Reading e Leeds neste ano.

Após seu trabalho com a banda durante o ano passado, Hammond lançou seu primeiro álbum solo, Yours to Keep, e está em turnê com sua banda desde então.

Já o líder da banda, Julian Casablancas, também está ocupado com suas participações nos vocais do novo disco do Queens of the Stone Age e, também, no disco de Hammond.

Os Strokes alcançaram grande sucesso no Reino Unido e na Europa, e seu terceiro disco aumentou sua popularidade nos Estados Unidos, embora ainda seja motivo de piada entre seus integrantes que sua terra natal pareça não entender sua música.

Crítica

O festival Live Earth, evento organizado pelo ex-vice presidente americano Al Gore, foi duramente criticado por Neil Tennant, da dupla Pet Shop Boys.

Disse ele que o concerto pela princesa Diana tem sua justificativa, mas ele tem suas incertezas sobre esse negócio do Al Gore”.

Segundo Tennant, o evento reúne artistas que se acham superiores o bastante para falar sobre conscientização.

– Sempre fui contra a idéia de estrelas do rock dando sermão nas pessoas como se eles soubessem de algo que o resto de nós não sabe. É muito arrogante -, afirmou.

– É intelectualmente fraco falar sobre o óbvio como se eles fossem as únicas pessoas a falar do assunto -, continuou.

O Live Earth acontece no dia 7 de julho em diversas cidades pelo mundo, inclusive no Rio de Janeiro. Entre os convidados já confirmados estão Madonna, Foo Fighters, Genesis, Beastie Boys, Red Hot Chili Peppers, Black Eyed Peas. Nenhum nome foi anunciado para o show no Brasil.

sem comentário »

Chico Buarque troca o palco pelo gramado

0comentário

O cantor e compositor Chico Buarque vai jogar futebol com baterista do Coldplay, Will Champion e com o cantor italiano Eros Ramazzotti.

Os artistas participarão de um jogo beneficente, organizado pela Fundação Luís Figo, dirigida pelo jogador português do time Inter de Milão.

O evento “Allstar Lisboa 2007” será realizado no próximo dia 9, no Estádio José Alvalade, na capital portuguesa.

Os músicos jogam ao lado de estrelas do futebol como Zidane, Sergi, Luis Enrique e Guardiola.

Caetano Veloso encantará com música a Terra de Camões

O cantor e compositor Caetano Veloso vai fazer shows em Lisboa e no Porto em outubro deste ano, em que deverá interpretar tanto músicas antigas, como as mais recentes, do seu álbum “Cê”, lançado no ano passado, anunciou nesta quarta-feira a empresa promotora das apresentações, Música no Coração.

O espetáculo que Caetano apresentará em Portugal vai misturar temas clássicos como “Menino do Rio”, “Terra”, “Podres Poderes”, e “Sampa” com composições do álbum “Cê”, que, co-produzido pelo filho do cantor, Moreno, e por Pedro Sá, pode ser considerado uma pequena obra rock de Caetano.

Segundo a Música no Coração, Caetano estará no Coliseu de Lisboa em 12 e 13 de outubro e no Coliseu do Porto em 15 e 16 do mesmo mês.

sem comentário »

O Velho Lobo abre o verbo em entrevista

0comentário

O músico carioca Lobão, 49 anos, marca sua volta ao mainstream com o CD e DVD Acústico MTV.

Sempre polêmico o velho Lobo concedeu entrevista nesta quarta-feira (23), onde criticou quem regrava músicas de outros artistas, os que tentam reinventar a MPB e pretende um ciclo de 50 anos com o relançamento de toda a sua obra.

Taxado de contraditório, Lobão disse que só decidiu voltar para uma grande gravadora porque o acordo incluía algo muito maior e que entrou nessa para “inaugurar uma nova era na indústria cultural”.

O cantor afirma que foi dele a idéia de fazer o projeto. “Liguei para a MTV e perguntei ‘o que vocês tem de maior aí?’ Queria fazer algo grande, e por isso decidi gravar agora. Não fui convidado por eles. Aí as gravadoras começaram a me ligar e como a Sony já tinha grande parte da minha obra e queria relançar tudo, vi que seria um bom negócio”.

Mesmo estando em uma disputa judicial com a gravadora, Lobão contou que é preciso separar as coisas. “Pessoa jurídica não sente ódio, não briga. A gente tem que parar com isso. A gravadora agora está com uma nova equipe, que gosta de música e que está interessada em fazer coisas diferentes. Não podemos misturar as pessoas físicas e jurídicas”.

Nova MPB

O cantor criticou a “nova MPB” e artistas da música independente. “Quem fica imitando a Tropicália e a Bossa Nova, movimentos que já tinham suas falhas e não evolui, tem mais é que se f…”.

Sobre os artistas independentes, disse que alguns esperam tudo na mão e não correm atrás. “Eu tenho uma revista com 20 números lançados de bandas que tinham uma estrutura, mas que não tinham espaço. Mas tem gente que espera ser ‘descoberto’ e não corre atrás. Quem faz isso que fique sozinho, como eu fiz”.

Lobão também desferiu impropérios aos artistas do chamado samba-pop, que regravam músicas de outros artistas. “Isso é um assassinato. Nem ouço porque meu ouvido não é penico. Outro dia uma dupla sertaneja me ligou para regravar uma canção minha. Mandei tomar no c… e procurar a turma deles, não escrevo música pra fazerem essas m…”.

Segundo o cantor, que lutou ao lado de Frejat e Beth Carvalho pela numeração dos CDs, “nenhum artista tem a moral de falar um ‘A’ para mim. Todo mundo assinou o manifesto e caiu fora depois de tomar bronca de gente de gravadora. Lutei por isso o tempo todo. Posso não ter moral nenhuma, sou um ser amoral, mas tenho ética”.

Acústico

Lobão afirma que não há nada de “banquinho e violão” no disco nem no show. “Só aqui no Brasil temos isso. Pouco importa tocar de pé ou sentado. Eu dou o sangue tocando pra cinco ou pra milhares de pessoas. Se tiver platéia, melhor, mas isso não muda nada”.

Segundo o artista, demorou quase um ano para arrumar os timbres e músicas que entrariam no disco. Sucessos como Vida Bandida e Vida Louca Vida acabaram ficando de fora, mas podem fazer parte da turnê.

“Abolimos todos os violões de nylon e apostamos em novos timbres e tecnologias. É um acústico que ninguém ouviu igual. Daqui a alguns anos, vão estudar esse disco”.

Lobão lança a turnê do Acústico em São Paulo nesta sexta-feira com show no Via Funchal. Depois segue para o Rio de Janeiro, sábado no Vivo Rio, e no dia 1º de junho toca em Belo Horizonte.

O Futuro

Lobão, que completa 50 anos em outubro, quer “fechar um ciclo” com o relançamento de toda sua obra em uma caixa para colecionadores. “É como se eu fosse morrer. Entrego esse material com todo o meu trabalho, está ai. Por isso não coloquei nenhuma inédita no Acústico. Música nova só nos próximos 50 anos, e nem sei se vou continuar artista”, ri o cantor. A caixa, que terá edições em CD e vinil, está programada para o início de 2008.

O cantor também trabalha, ao lado do produtor Luis Eduardo Miranda, no site Universo Paralelo Virtual para que as bandas independentes divulguem seu trabalho, aos moldes de sites como o Tramavirtual (criado pelo próprio Miranda) e o MySpace.

O Rádio

Mesmo assim, Lobão acredita que o rádio ainda é o grande canal de comunicação para os artistas. “O rádio está no inconsciente coletivo da população, cresci ouvindo rádio e ainda é assim que se constrói a trilha sonora da vida das pessoas. Ainda não há motivo de euforia com a Internet. O CD e o rádio ainda estão bem longe de acabar”.

Thiago Kaczuroski (Jornalista)

sem comentário »

Gilberto Gil na Ilha

0comentário

O Ministro da Cultura, Gilberto Gil, deverá visitar São Luís no dia 2 de julho. Ele vai participar da reunião do Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural, que acontecerá na capital maranhense. Esta será a quarta vez, desde sua criação, que o Conselho se reunirá fora de sua sede, no Rio de Janeiro.

O Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural tem a atribuição de aprovar os tombamentos e registros do patrimônio nacional e é presidido pelo presidente do Iphan, Luiz Fernando de Almeida, e composto por 18 membros da sociedade civil.

Legítimo

Em questão, a legitimação do Tambor de Crioula como Patrimônio Cultural do Brasil. O registro da autêntica manifestação artística maranhense, foi publicado dia 17 de maio, no Diário Oficial da União.

sem comentário »